Menu
Busca sexta, 14 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
MS

Mais de 6,8 mil materiais produzidos nas mãos de reeducandos garantem maior proteção em atendimentos no HR

04 julho 2020 - 19h00Por Governo de MS

Desde o início da pandemia, a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen/MS) tem contribuído com a confecção de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), por meio da mão de obra carcerária. Somente para o Hospital Regional, foram entregues 6.883 peças.

Considerada unidade de saúde referência para o tratamento do novo coronavírus na capital, já foram distribuídas máscaras de proteção, calças, blusas, capotes, privativos e propés, levando mais prevenção e segurança durante atendimento à população.

Somente nesta semana, a doação contemplou 550 materiais de proteção individual, sendo 470 máscaras, 20 privativos, 45 capotes de napa e 15 pares de propés. Presente na entrega, realizada no Estabelecimento Penal Jair Ferreira de Carvalho, a assessora da presidência do Hospital Regional, enfermeira Ana paula Cangussu, agradeceu a ajuda Agepen em garantir essa segurança aos profissionais que lidam diretamente com o enfrentamento à doença.

O trabalho é coordenado pela Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), que firmou Termo de Cooperação Mútua com a Associação dos Magistrados de Mato Grosso do Sul (Amamsul), Associação Sul-Mato-Grossense do Ministério Público (ASMMP) e o Hospital Regional, com o intuito de arrecadar insumos para a produção pelos reeducandos.

Atualmente, estão em funcionamento 22 polos de produção de EPIs em estabelecimentos penais. Até o momento, já foram confeccionadas mais de 200 mil peças com mão de obra carcerária, contribuindo com diversas instituições públicas, privadas e sociais, além de atender a própria demanda do sistema prisional, forças da segurança e de saúde pública, levando maior proteção contra à Covid-19 a quem está mais exposto aos riscos.

Para o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, a ação leva ocupação produtiva aos internos, promovendo a reintegração social ao estimular novos valores e mudança de comportamento, uma vez que, a produção também possui cunho social em um momento de calamidade na saúde pública.

Pelo trabalho, todos os reeducandos envolvidos recebem remição de um dia na pena a cada três trabalhados, conforme estabelece a Lei de Execução Penal (LEP). A ação é coordenada pela Diretoria de Assistência Penitenciária da Agepen, por meio de suas Divisões de Saúde e Trabalho Prisional.

A orientação técnica é feita pela equipe do infectologista Júlio Croda, Mariana Croda e enfermeiro e doutor em Doenças Infecciosas e Parasitárias, Everton Ferreira Lemos. E conta com parceria da Secretaria Estadual e municipais de Saúde, Departamento Penitenciário Nacional (Depen), Poder Judiciário e Ministério Público, Tribunal Regional do Trabalho, Ministério Público do Trabalho e Ong Ação pela Paz.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Depen autoriza visitas virtuais em penitenciárias federais
ANTÔNIO JOÃO
Idoso é indiciado por abuso de primas de 6 e 8 anos
PANDEMIA
MS ultrapassa 35 mil casos de coronavírus e se aproxima de 600 óbitos
DOURADOS
Operação 'Gambiarra' mira reformas de escolas municipais pagas por secretária em nome de empresa
DOURADOS
Trânsito será modificado para obras na Firmino Vieira de Matos
PANDEMIA
Dourados confirma mais um óbito por coronavírus e tem 448 casos ativos
BRASIL
Planos de saúde vão cobrir exames para detecção do novo coronavírus
FISCALIZAÇÃO
Local de rinha de galos é fechado e proprietário autuado em R$ 7 mil
TRÁFICO
Homem é preso com cocaína escondida em jaqueta e suporte de pescoço
CAMPO GRANDE
Mulher grávida é espancada por marido que a acusa de traição

Mais Lidas

DOURADOS
Preso no Ipê Roxo era investigado desde fevereiro por estupro do sobrinho
VIDA NOTURNA
“Estão passando fome”: profissionais do sexo sofrem com a pandemia em Dourados
DOURADOS
Com gritos de "pega ladrão", grupo é flagrado furtando carro no Jardim Paulista
DOURADOS
Decreto deve autorizar volta de cursos profissionalizantes e atividades práticas de universidades