Menu
Busca terça, 18 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Lula ainda não é bom "cabo eleitoral" para prefeitos, diz CNT/Sensus

10 agosto 2004 - 17h15

Apesar da recuperação na avaliação positiva do governo federal, apontada pela pesquisa divulgada hoje pelo CNT (Confederação Nacional do Transporte) e o Instituto Sensus, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda não conseguiu transferir seu apoio para os candidatos às eleições municipais.O número de pessoas que votariam ou poderiam votar em um candidato apenas pela indicação do presidente passou de 36,7% na pesquisa de maio para 34,1% em agosto. Além disso, 35,9% dos entrevistados afirmaram que não votariam em alguém indicado pelo presidente. Em maio, esse percentual era de apenas 22,2%.O resultado também é inferior ao apoio dado pelos governadores, cuja influência positiva chega a 35%, e a negativa fica em 33,9%, de acordo com a pesquisa.O PT aparece como o partido que tem a preferência nas eleições, com 12,5% de identificação, seguido pelo PMDB (5,7%), PSDB (2,4%) e PFL (2,2%). Porém, apenas um quarto dos entrevistados afirma ter preferência partidária, e somente 10% dizem votar em um candidato por causa do seu partido.A avaliação positiva do governo Lula reverteu a tendência de queda verificada nos últimos meses e subiu quase 9 pontos percentuais entre junho e agosto. Apesar da recuperação, o resultado ainda está abaixo do verificado durante o primeiro ano do atual governo e também é inferior a sua aprovação em fevereiro de 2004.A avaliação positiva do governo subiu de 29,4% em junho para 38,2% em agosto, enquanto a avaliação negativa caiu de 24,1% para 17,7%. Em fevereiro, os resultados eram de 39,9% e 15,1%, respectivamente.A CNT atribuiu a recuperação à melhor avaliação dos brasileiros em relação aos indicadores de emprego, saúde e educação. A pesquisa foi realizada entre os dias 3 e 5 de agosto com 2.000 pessoas em 24 Estados. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para cima ou para baixo. A pesquisa é realizada a cada 40 dias pela CNT, que é presidida pelo vice-governador de Minas Gerais, Clésio Andrade (PL-MG).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHAPADÃO DO SUL
Motorista tem perna esquerda estilhaçada em explosão de compressor de ar
IstoÉ
Michelle Bolsonaro perde processo e terá de pagar indenização de R$ 15 mil
CAPITAL
Preso, rapaz diz que espancou idoso por ele 'mexer' com sobrinho de 1 ano
UEMS
Mestrado em Educação Científica e Matemática prorroga inscrições até junho
CORUMBÁ
Após assaltar papelaria, ladrão tenta fugir para mata e invade residência
SAÚDE
Diretora do Conselho de Farmácia alerta para uso irracional de medicamentos
Polícia do Paraguai apreende cocaína escondida em chifre ornamental
GOVERNO BOLSONARO
Ocupação irregular na Amazônia cresceu 56% em dois anos, diz instituto
ANTÔNIO JOÃO
Homem é preso por tentar matar adolescente de 17 anos a tiros
REGIÃO
Inscrições para processo seletivo de estágio em Angélica são prorrogadas

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS