Menu
Busca segunda, 18 de janeiro de 2021
(67) 99659-5905

Lei seca gera polêmica em Campo Grande

06 setembro 2003 - 10h55

A lei seca, aprovada pela Câmara e sancionada pelo prefeito de Campo Grande, está gerando polêmica. Mesmo com o novo horário de funcionamento, donos de bares, restaurantes e estabelecimentos comerciais que vendem bebida alcoólica, insistem em manter as portas abertas.Pela lei, do dia 4 de setembro, todo estabelecimento que vende bebida alcoólca para consumo imediato terá o horário de funcionamento limitado: de segunda a quinta-feira, das 6h às 23h e de sexta a domingo, das 6h a 0h. O objetvo da medida é diminuir a violência na cidade.De acordo com a Polícia Civil, 70% dos homicídios registrados esse ano ocorreram à noite em bares ou em locais próximos, onde as pessoas consomem bebidas. Outro dado: 73% dos crimes acontecem entre 18h e 6h. Mas a lei está gerando polêmica. Na sexta feira à noite, o dono de um bar decidiu continuar aberto depois da meia-noite. Para ele, fechar o bar não vai evitar a violência. Já para outro comerciante da periferia, o limite de horário pode trazer mais segurançaO representante da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Campo Grande, Paulo Roberto Queiroz, diz que não tem como fechar o seu estabelecimento no horário que determina a lei, pois é quando tem mais movimento. Para ele deveria haver mais critério, pois hoje , muitos bares e boates investem em segurançaPara vender bebida fora do horário estabelecido pela lei, é necessária uma autorização especial.A fiscalização para o cumprimento da lei será feita pela Secretaria de Segurança Pública, de acordo com um convênio que ainda vai ser assinado entre estado e município.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

TERENOS
Homem é encontrado morto em varanda de residência
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
INVESTIMENTO
MS terá "pacote" de obras de R$ 376 milhões para pavimentação e restauração de estradas
DEFINIÇÃO
Inep abre novo prazo para candidatos com Covid pedirem reaplicação do Enem 2020
MINISTRO DA SAÚDE
Pazuello diz que começa a distribuir vacinas às 7h de segunda-feira para todos os estados
CORONAVÍRUS
Distribuição de vacina será acompanhada pelas forças de segurança federais e estadual
MEDIDA
Proibição de corte no fornecimento de água segue até o fim de janeiro na capital
SEU BOLSO
Órgãos de proteção alertam consumidor sobre compra de material escolar
PANDEMIA
Permanece alta taxa de ocupação de leitos UTI Covid-19 em Dourados
DOURADOS
Primeira etapa de pré-matrícula da Reme vai até quinta-feira
MS
Denúncia anônima pelo 181 da PM ajuda no combate de crimes

Mais Lidas

DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
ACIDENTE
Homem morre após sofrer descarga elétrica em Dourados
DOURADOS 
Jovem cai de moto e pede ajuda após levar facada
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras