Menu
Busca sábado, 17 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Lei que obriga uso de motocímetro sai na próxima semana na capital

30 janeiro 2004 - 13h43

A Prefeitura de Campo Grande deve publicar na próxima semana no Diário Oficial do Município um decreto que obriga os 438 mototaxistas da Capital a instalar motocímetros (aparelhos eletrônicos semelhantes aos taxímetros). Segundo a presidente do sindicato da categoria, Marlene Pereira de Souza, a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) garantiu que a resolução sairia até hoje, mas nada está publicado. Atualmente 20 mototaxistas já dispõem do aparelho instalado em suas motocicletas de forma experimental. A regularização do motocímetro é aguardada com ansiedade pelos trabalhadores do setor, que acreditam que ele dará mais credibilidade ao serviço. Com a aprovação do equipamento, o passageiro poderá conferir junto com o motorista o quanto irá pagar pelo transporte. Atualmente é cobrado pelo serviço R$ 3 até três quilômetros, mais R$ 0,50 o quilômetro na bandeira 1 e R$ 0,70 na bandeira 2. “Tenho certeza que o consumidor dará mais credibilidade ao nosso trabalho e esperamos, inclusive, que aumente a procura”, defende Souza. A elevação do número de clientes é visto como uma alternativa para burlar a crise acarretada pelos aumentos constantes do valor do combustível. Só este último reajuste, autorizado hoje em Mato Grosso do Sul, fará com que os profissionais comprometam pelo menos 20% do seu lucro. A tabela do serviço foi revista em janeiro de 2003 e não tem previsão de mudança.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha em caminhonete furtada 
TRÁFICO
Polícia apreende mais de uma tonelada de maconha em caminhonete furtada 
SAÚDE
Bolsonaro confirma que passará por nova cirurgia para corrigir hérnia
CAPITAL
Morre condutor de moto que sofreu acidente com namorada na BR-163
MS recebe neste sábado 338.130 medicamentos do 'kit intubação'
COVID-19
MS recebe neste sábado 338.130 medicamentos do 'kit intubação'
Foragido, sul-mato-grossense é preso com R$ 5 milhões em drogas
PARANÁ
Foragido, sul-mato-grossense é preso com R$ 5 milhões em drogas
SÃO PAULO
Parlamentares invadem Hospital em meio à pandemia de Covid-19
CAPITAL
Homem executado com 60 tiros já foi acusado de homicídio e tentativa
IMUNIZANTE
Azambuja assina carta dos governadores à ONU por mais vacinas
FRONTEIRA
Polícia 'estoura' lava jato que estocava cocaína para facções criminosas
GERAL
Emissão de Certidões Negativas segue disponível no Portal do TJMS

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista é preso após passar 'fumando um baseado' ao lado de viatura
CRIME AMBIENTAL
Goiano preso com minhocas terá que pagar multa de quase meio milhão de reais
AMEAÇA DE EXTINÇÃO
Após passar por MS, homem é preso com mudas raras que seriam vendidas na Bolívia
DOURADOS
Funsaud oficializa saída de diretor médico da UPA após denúncia de escala sem plantonista