Menu
Busca terça, 07 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Justiça polonesa condena jornalista por insulto ao papa

25 janeiro 2005 - 14h47

Um tribunal de Varsóvia condenou um dos mais conhecidos jornalistas da Polônia por ter chamado o papa João Paulo 2º de "o Brejnev (ex-presidente russo) do Vaticano" e de um "velho impotente". Porta-voz do último governo comunista polonês e editor do jornal "Nie" (Não), Jerzy Urban foi considerado culpado de insultar um chefe de Estado.O jornalista terá de pagar uma multa de US$ 6.500 (cerca de R$ 19 mil). As afirmações de Urban foram feitas em um artigo entitulado Sadomasoquismo Ambulante, publicado às vésperas da visita do papa à Polônia em 2002.Urban afirma que estava exercendo o direito à livre expressão. Antes do julgamento, o grupo Repórteres Sem Fronteira disse que o processo seria "um precedente perigoso" para um membro da União Européia como a Polônia.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Defron desmantela associação criminosa especializada em tráfico de drogas
REGIÃO
FCO prorroga parcelas e cria nova linha de crédito para empresários
ECONOMIA
Autônomo pode baixar aplicativo para renda de R$ 600 a partir de hoje
DOURADOS
Homem é assassinado a tiros no Parque das Nações I
TEMPO
Terça-feira nublada com chuva a qualquer hora do dia em Dourados
SÃO PAULO
Sul-mato-grossense leva 12 facadas e crime é transmitido ao vivo
JUDICIÁRIO
STF: acordos de redução de salários devem passar por sindicatos
CAPITAL
Polícia localiza pai que fez ‘zerinho’ com filho no para-lama de moto
ÁGUA CLARA
Ex-prefeito é condenado a devolver R$ 430 mil por contratos sem licitação
EDUCAÇÃO
Enem: começa prazo para solicitação de isenção de taxa

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
FLEXIBILIZAÇÃO
Com restrições, comércio volta a funcionar amanhã em Dourados
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida