Menu
Busca terça, 03 de agosto de 2021
(67) 99257-3397

Justiça: Marta sofre derrotas e aumenta gastos com campanha

19 outubro 2004 - 18h34

No mesmo dia que o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo autorizou um aumento de R$ 4 milhões no limite dos gastos da campanha da candidata do PT, Marta Suplicy, a petista sofreu duas derrotas na Justiça Eleitoral. Uma liminar suspendeu as inserções do PT na TV que mostram a evolução patrimonial do vice de José Serra (PSDB), Gilberto Kassab (PFL), que é investigada pelo Ministério Público, com base em reportagem do jornal "Folha de São Paulo". Na inserção não há a identificação dos partidos que compõem a coligação de Marta Suplicy, segundo a liminar. O governador do Estado, Geraldo Alckmin (PSDB), também obeteve direito de um minuto no horário eleitoral noturno da petista. A Justiça Eleitoral entendeu que as críticas feitas pelo programa da petista aos gastos do governo com o Rodoanel "ultrapassou o limite razoável da crítica política" e "procurou ligar diretamente o governador à prática de corrupção". A assessoria de imprensa da campanha de Marta Suplicy informou que vai recorrer das decisões.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Usina sucroenergética é multada em R$ 2,550 mi por incêndio em matas
BRASIL
Deputados aprovam texto-base de projeto sobre regularização fundiária
Avião apreendido com cocaína é de piloto do MS preso por tráfico
EDUCAÇÃO
UFGD oferece vagas em disciplinas isoladas em mestrado e doutorado
Mulher é multada em R$ 5 mil por construção de um rancho pesqueiro
MEIO AMBIENTE
Mulher é multada em R$ 5 mil por construção de um rancho pesqueiro
FUTEBOL
Vanderlei Luxemburgo é o novo técnico do Cruzeiro
NOVA ANDRADINA
Polícia apreende 310 quilos de maconha e 16,5 quilos de skunk na BR-376
REGIÃO
Agosto Lilás, lança campanha de enfrentamento à violência doméstica
Arara-canindé morre eletrocutada após bater em fiação de energia
COMISSÃO
Deputados convocam Braga Netto a explicar suposta ameaça às eleições

Mais Lidas

SP
Homem leva menina de 15 anos ao hospital e diz que ela morreu após sexo; polícia investiga
POLÍCIA
Jovem é agredida durante assalto em Dourados
PANDEMIA
Jovem de 21 anos e sem comorbidades é vítima do coronavírus em MS
DOURADOS
Motorista embriagado foge, causa acidente e termina preso