Menu
Busca domingo, 31 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Junior Teixeira pede redução da taxa de religação de água

16 dezembro 2009 - 07h45

O vereador Junior Teixeira (PDT) quer que a Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) reduza o valor da taxa de religação de água, cobrada no município de Dourados. Em requerimento apresentado segunda-feira na Câmara, Junior Teixeira solicitou uma série de informações sobre o serviço e vai aguardar a resposta da estatal para formalizar a solicitação de redução do valor.

No requerimento, ele pediu cópia do contrato social da empresa responsável pelo serviço de corte e religação. Também quer saber o valor pago à empresa e a quantidade de serviços executados na cidade e nos distritos desde o início do contrato.

Junior Teixeira pediu que a Sanesul explique os critérios adotados para emissão da ordem de corte e de religação de água. Ele também solicita informações sobre quantas ligações se encontram no programa Tarifa Social em Dourados e qual o valor do metro cúbico dentro desse programa social. Cobra ainda informações sobre o valor da religação por corte dentro do programa Tarifa Social.

No requerimento, o vereador solicitou ainda o número de ligações de esgoto que são cobradas em Dourados e qual a penalidade para o usuário após o corte de sua ligação quando ele faz parte do programa "Tarifa Social".


SERVIÇO CARO

Junior Teixeira disse que o valor cobrado pela Sanesul para religação de água tem penalizado a população, principalmente os mais carentes. "Alguns moradores nos procuram para reclamar que a taxa de religação é de R$ 40, inclusive para as famílias beneficiadas pela tarifa social. Como uma família que não tem dinheiro para pagar a tarifa social de R$ 10, R$ 12 de água pode pagar R$ 40 pela religação?", questiona o vereador pedetista.

Segundo ele, a população precisa saber quem é a empresa que faz o serviço e os valores que são arrecadados através da taxa de religação. "A Sanesul é uma concessionária que explora o serviço público e precisa de transparência em seus atos. Essa taxa de religação tem penalizado a população carente, que paga e nem sabe o destino desse dinheiro", afirmou Junior Teixeira.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Guedes e sua equipe avaliam programa de renda mínima
CAPITAL
Homem é morto após sair para urinar quando bebia com os amigos
TRÁFICO
PRF apreende mais de 500 kg de maconha em droga
SAÚDE
Dia Mundial sem Tabaco analisa relação do tabagismo com a covid-19
MÚSICA
Rita Lee cogita gravar o primeiro álbum de músicas inéditas em oito anos
DADOS
MS tem redução de 1.871 crimes no 1º quadrimestre de 2020
TRÁFICO
Polícia apreende carreta com mais de 3 toneladas de droga em galpão
PANDEMIA
Pan-Pacífico de natação é adiado de 2022 para 2026
TRÁFICO
Jovem contrata motorista de aplicativo para transportar droga e é flagrada pela polícia
NAVIRAÍ
Polícia prende agricultor com espingarda de caça

Mais Lidas

DOURADOS
Protocolo é seguido e mulher vítima do coronavírus é enterrada sem despedida de familiares
PANDEMIA
Estado alerta que Dourados deve ser cidade com mais casos de Covid-19 na próxima semana
MAIORIA JOVENS
Vítima fatal da Covid-19 faz parte da faixa etária com mais casos da doença em Dourados
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos