Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Ishy destaca trabalho da Pastoral da Criança

28 junho 2005 - 07h57

O vereador Elias Ishy de Mattos (PT), que neste mês de junho realizou a audiência pública “Saúde Preventiva e Trabalho Social”, com palestra da médica sanitarista e pediatra Zilda Arns, destacou esta semana o “grande trabalho social que realiza a Pastoral da Criança”, que tem a médica como coordenadora nacional.“A vinda da doutora Zilda à nossa cidade é um marco histórico para nós douradenses, pois o trabalho voluntário que a Pastoral da Criança realiza na área da saúde preventiva para a população deve ser reconhecido por todos. É uma ação humana que deve ser divulgada e incentivada pelo poder público, fazendo parcerias para que o trabalho possa ser ampliado e facilitado, pois os resultados são ótimos, com baixo custo e com a metodologia de trabalhar com as lideranças das próprias comunidades”, observou o vereador, que preside a Comissão Especial de Inquérito na Câmara Municipal que acompanha a CPI da Assembléia Legislativa que investiga as mortes de crianças por desnutrição nas aldeias indígenas de Dourados.Durante sua fala, Zilda Arns falou sobre a gravidez na adolescência, marginalidade, pobreza, e colocou que a Pastoral da Criança veio como o milagre da multiplicação dos pães, para suprir com pouco as necessidades e carências de muitos. Também disse que “se queremos acabar com a violência não será pondo mais policiais nas ruas ou construindo mais presídios, apesar de isso ser necessário, mas é cuidando das crianças desde o ventre materno, dando os cuidados necessários nos primeiros anos de vida, sua alimentação, seus hábitos, sua educação, sua saúde física e mental”, e enfatizou: “Não basta somente a criança não morrer, ela tem que ter vida e vida em abundância, isso é saúde preventiva”.Para Elias Ishy, Zilda Arns não apenas ministrou palestra, “ela deu um verdadeiro show de amor ao próximo, de cidadania, de motivação, de fé e luta pela vida”. Segundo o vereador, “foi muito bom ouvir e aprender com a doutora Zilda Arns sobre esse trabalho tão nobre que é o trabalho da saúde, ainda mais quando feito de forma voluntária. Esse é um desafio para o poder público e para a sociedade como um todo. Um olhar especial para as comunidades indígenas, de forma que possam produzir e se auto-sustentar. Que as experiências da Pastoral da Criança possam nos servir de exemplo no trabalho de educação para a saúde e que cada um de nós possamos tomar essa causa para si e construirmos uma cidade, um país e um mundo bem melhor para nossas crianças”, concluiu o vereador.No final da audiência foi entregue a Zilda Arns uma moção de congratulação em comemoração a sua primeira visita a Dourados e, principalmente, por ter se interado da realidade vivida pelas crianças, em especial as da reserva indígena.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Nelsinho Trad fará requerimento para profissionais de transporte de pessoas
POLÍTICA
Nelsinho Trad fará requerimento para profissionais de transporte de pessoas
DOURADOS
Motociclista morre no HV 18 dias após sofrer acidente no centro
UFGD
Prazo para inscrever projetos de Iniciação Científica termina na próxima semana
PMA de Dourados captura família de gambá no Jardim Água Boa
MEIO AMBIENTE
PMA de Dourados captura família de gambá no Jardim Água Boa
CÂMARA
Deputados aprovam urgência de projeto para privatizar os Correios
Transportando 26 cavalos ilegalmente, idoso é preso com dólares e reais
REGIÃO
Presidente da Assomasul destaca emenda que cria o ICMS Educacional 
DOURADOS
Polícia apreende 80 quilos de maconha na região do jardim Água Boa 
FERIADO
Judiciário de MS não terá expediente nesta quarta, dia 21 de abril
REI DA FRONTEIRA
Juiz resolve manter Fahd Jamil preso no Garras e pede perícia médica

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro