Menu
Busca terça, 27 de outubro de 2020
(67) 99659-5905
INOVATEC

Inscrições no Programa InovaTec terminam no próximo dia 15

04 dezembro 2017 - 11h32Por Da redação

O IEL em parceria com o CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), encerra no próximo dia 15 de dezembro, as inscrições do Programa InovaTec, que conta com a participação de estudantes de graduação em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação para promover a melhoria contínua da produtividade na indústria.

Conforme o acordo de parceria celebrado entre IEL e CNPq, o Programa concederá até 200 bolsas de iniciação tecnológica e industrial para estudantes regularmente matriculados em curso superior ou superior tecnológico e outras 200 para os professores orientadores dos projetos. Pelo menos 30% destas bolsas serão obrigatoriamente vinculadas às instituições de Ensino Superior sediadas nas regiões Centro-Oeste, Norte ou Nordeste.

O superintendente do IEL, José Fernando do Amaral explica que a ideia do projeto é desenvolver trabalhos de melhorias de produtividades nas empresas de pequeno e médio porte, preferencialmente empresas industriais, por meio de parceria entre a empresa, instituição de Ensino Superior e IEL. “A empresa faz uma proposta ao CNPq, que aprova, ou não, a bolsa para que o acadêmico desenvolva uma solução que eleve sua produtividade”, afirmou.

“Caso a proposta seja aprovada, o CNPq remunera o bolsista pelo período de 12 meses com uma bolsa de R$ 400, enquanto a empresa proponente entra com o custeio do professor orientador do projeto, que também tem direito a uma bolsa de R$ 400 mensais pelo mesmo período”, acrescentou o superintendente do IEL.

Divulgação

Com intuito de divulgar a oportunidade para graduandos e pesquisadores, a equipe do IEL tem feito visitas às instituições de Ensino Superior do Estado. Na quarta-feira (29), pesquisadores do Cepemat (Centro de Pesquisas em Materiais) e a Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) receberam os colaboradores, que apresentaram o programa e orientaram sobre como participar.

“O orientador participa representando a instituição de ensino e o bolsista executa todo o trabalho de pesquisa, de desenvolvimento, e apresenta uma solução para a empresa”, explicou o analista de desenvolvimento empresarial do IEL, Luis Alberto Pereira. “O IEL tem cumprido este papel de fazer a ponte entre as demandas das empresas e pesquisadores e estudantes para firmar parceria no âmbito do programa”, emendou.

O grupo já esteve também na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) e UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). Essa é a primeira edição do edital, que é nacional e público e conta com apoio do InovaTec e do Fortec (Fórum Nacional de Gestores de Inovação e Transferência de Tecnologia), sendo que o resultado preliminar da chamada será divulgado no dia 18 de janeiro de 2018.

Serviço

O edital do InovaTec está disponível no site www.portaldaindustria.com.br/iel/canais/inova-tec.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Governo reduz imposto sobre videogames
REGIÃO
Lava Jato é interditado e multado por poluição ambiental
CÂMARA DOS DEPUTADOS
Projeto incentiva turismo sustentável em propriedades da agricultura familiar
TRÂNSITO
Contran publica requisitos para fiscalização da velocidade de veículos
INTERNACIONAL
Presidente da Fifa, Gianni Infantino, é diagnosticado com Covid-19
CAMPO GRANDE
Dupla suspeita de estelionato contra idosos é presa em posse de máquinas de cartão
PANDEMIA
Mato Grosso do Sul registra onze óbitos por coronavírus em 24 horas
BRASIL
Incêndio atinge Hospital Federal de Bonsucesso no Rio de Janeiro
DOURADOS
Motorista é preso após abandonar carro com maconha e tentar fugir a pé
MATO GROSSO DO SUL
Aprosoja instrui agricultores sobre o manejo de pragas na safra 2020/21

Mais Lidas

GRANDE DOURADOS
Cobertura de barracão de cerealista ‘voa’ com o vento; veja vídeo
DOURADOS
Guarda encerra festa organizada por adolescente em plena pandemia, apreende droga e até arma artesanal
DOURADOS
Délia decreta emergência por causa de danos provocados pela tempestade
TEMPESTADE
Chuva e ventos de 46km/h derrubam árvores e levam sujeira às ruas de Dourados