Menu
Busca domingo, 18 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Indústrias do país investem pouco em tecnologia, diz IBGE

21 junho 2005 - 14h41

Das 139 mil empresas industriais no país, menos de 10% investem em tecnologia e inovação. A Pesquisa Industrial Anual 2003 divulgada nesta terça-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que apenas 9,9% das indústrias brasileiras são consideradas de alta intensidade tecnológica, investindo entre 0,96% e 2,72% de sua receita líquida de vendas em pesquisa e desenvolvimento. Neste grupo estão empresas voltadas para a produção de bens de capital (máquinas e equipamentos) e de bens de consumo duráveis (automóveis e eletrodomésticos) que, em 2003, investiram três vezes mais do que a média da indústria nacional. Segundo a pesquisa, essas indústrias aplicaram em investimentos R$ 1,47 milhões, contra R$ 447 mil da média nacional. Apenas 14,78% dos trabalhadores ocupados na indústria do país pertencem a essas empresas porque, segundo o IBGE, há uma relação direta entre maior tecnologia e menor necessidade de funcionários. Na outra ponta, as empresas de baixa intensidade tecnológica, que em 2003 tiveram um gasto médio em pesquisa e desenvolvimento de apenas 0,21% do faturamento, representam 52,26% do total da indústria nacional. Este grupo tem uma receita 40% inferior à média do país (R$ 4,3 milhões contra R$ 7,1 milhões). Os investimentos destas empresas são 45% menores do que a média (R$ 244 mil contra R$ 447 mil), mas elas detêm 45,72% do pessoal ocupado no setor industrial.A pesquisa do IBGE classificou as empresas em alta intensidade tecnológica, média alta, média baixa e baixa intensidade. Os resultados mostraram que a indústria brasileira é muito concentrada em atividades de baixa e média baixa tecnologia. Nesta última categoria os destaques são as atividades de siderurgia e metalurgia. Entre as indústrias de baixa intensidade tecnológica estão atividades como produtos têxteis, alimentícios, edição e impressão, bebidas e elaboração de combustíveis nucleares. No grupo de média alta intensidade tecnológica estão as indústrias química e farmacêutica. Leia mais: Mapa revela os 2% da indústria brasileira que inovam em tecnologia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agesul estima até R$ 1,2 milhão por LED com fonte solar na MS-156
DOURADOS
Agesul estima até R$ 1,2 milhão por LED com fonte solar na MS-156
Estado inicia estudos técnicos para concessão da MS-112 e trechos das BR-158 e 436
RODOVIAS
Estado inicia estudos técnicos para concessão da MS-112 e trechos das BR-158 e 436
Pescadores são autuados pela PMA por uso de tarrafas e petrechos ilegais
POLÍCIA
Pescadores são autuados pela PMA por uso de tarrafas e petrechos ilegais
REGIÃO
Jovem é presa a 2,5 mil quilômetros de casa com maconha que lhe renderia R$ 2 mil
Governo institui grupo técnico para coordenar ações de resgate de animais silvestres
MS
Governo institui grupo técnico para coordenar ações de resgate de animais silvestres
DOURADOS
Homem morre no Hospital da Vida uma semana após queda de telhado
DOURADOS
Homem é socorrido com ferimentos na cabeça e mulher relata invasão
BRASIL
Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em junho
REGIÃO
DOF flagra batedores e apreende caminhão com 11 toneladas de maconha
ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Motociclista é preso após passar 'fumando um baseado' ao lado de viatura
DOURADOS
Interno morre após briga com companheiro de cela da PED
PED
Arma de fabricação caseira é encontra em cela de interno morto
RONDAS
Bicicleta roubada há 14 anos é recuperada em Dourados