Menu
Busca segunda, 19 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Índios obrigam procurador a assinar termo de compromisso

15 janeiro 2004 - 16h25

O procurador da República, Ramiro Rockenback da Silva, e mais três jornalistas, ficou detido por três horas e só foi liberado quando assinou um termo se comprometendo a levar ao TRF (Tribunal Regional Federal) da 3ª Região uma pauta com quatro reivindicações, entre elas a demarcação imediata das terras.Neste momento o procurador já está a caminho de Dourados, informou o Campo Grande News.Os índios se revoltaram depois de serem notificados pelo procurador de que deverão deixar a área conforme decisão do juiz federal Odilon de Oliveira. De acordo com o juiz, os índios tem três dias para deixar as propriedades ocupadas. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
TCE-MS pede explicações sobre irregularidades de R$ 2,2 milhões em licitação de prefeitura
INTERNACIONAL
Ataques a tiros em dois estados deixam 6 mortos nos EUA
PRF prende dois e apreende cocaína avaliada em R$ 8 milhões na BR-163
POLÍCIA
PRF prende dois e apreende cocaína avaliada em R$ 8 milhões na BR-163
POLÍCIA
Adolescentes estouram janela de alojamento e fogem de Unei
PMA resgata macaca domesticada que foi abandonada por tutores
POLÍCIA
PMA resgata macaca domesticada que foi abandonada por tutores
POLÍCIA
MPE-MS alerta gestores sobre prática de novo golpe no WhatsApp
REGIÃO
Após comprometimento de 98% do pulmão, prefeito se recupera da Covid-19
POLÍCIA
Após desentendimento, menina de 10 anos sai de casa e fica sete horas desaparecida
POLÍCIA
Homem é morto com vários golpes de faca e assassino é preso horas depois
PANDEMIA
Dourados segue com 100% das UTIs Covid ocupadas e com fila de espera por leitos

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
DOURADOS
Interno morre após briga com companheiro de cela da PED
PED
Arma de fabricação caseira é encontra em cela de interno morto