Menu
Busca terça, 20 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Índios dão prazo de 24 horas para fazendeiro desocupar área

09 janeiro 2004 - 14h25

As lideranças indígenas, representadas pelo advogado José Ipojucan Ferreira, que estão participando do encontro com o juiz Odilon de Oliveira, na fazenda São Jorge, em Japorã, apresentaram como única proposta a condição para que a área da fazenda seja desocupada em 24 horas. "Fora disso não há o que discutir", afirmaram os índios, que promoveram uma parafernália muito grande na entrada da fazenda para recepcionar o juiz e demais autoridades, em busca de uma tentativa de acordo. O representante dos fazendeiros acha muito difícil fechar com essa proposta, porque há um tensionamento sobre a titularidade das áreas que vem sendo disputadas pelos índios. A fazenda São Jorge faz parte da Agropecuária Pedra Branca, de propriedade do pecuarista Pedro Fernandes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Colisão entre carreta e pick-up mata motorista de 32 anos na BR-262
POLÍTICA
Congresso derruba veto de Bolsonaro e aumenta pena de crimes na internet
Rapaz diz que matou ex-padrasto após ser humilhado na frente da mãe
ROTEIRO PRÉVIO
CPI prevê quebras de sigilo, acareações e audiências auxiliares de Bolsonaro
MEIO AMBIENTE
Proprietário rural é multado em R$ 2 mil por desmatamento ilegal 
JUSTIÇA
Saiba onde ir em busca de um acordo como solução de seu conflito
JARDIM
Traficante abandona caminhonete com 1,7 tonelada de maconha
REGIÃO
Saúde de MS promete mais agilidade na entrega de resultados de exames
RIO VERDE
Preso homem que matou namorado da ex e atropelou bebê de 2 anos
DOURADOS
Prefeitura entrega remessa com 5 mil folhas de documentos da CPI Covid

Mais Lidas

ASSALTO
Mulher tem carro roubado ao parar no semáforo em Dourados
POLÍCIA
Irmãos morrem após serem atropelados por caminhonete em rodovia
LOTERIAS
Mega-Sena premia uma aposta com R$ 40 milhões e 11 douradenses acertam a Quadra
DOURADOS/ITAPORÃ
Produtor rural morto em acidente na MS-156 voltava de aniversário em pesqueiro