Menu
Busca segunda, 10 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Índio diz que vai comprar lote com acerto de usina

05 dezembro 2003 - 08h04

O indígena Cláudio Espíndola da Silva, que foi beneficiado ontem à tarde com uma indenização de R$ 1.200,00 pela empresa Debraz, onde trabalhou durante 15 anos, desde os 12 anos de idade, disse que vai comprar um lote para poder plantar na própria Reserva Indígena. Ele tem dois filhos, um de quatro e outro de dois anos de idade. Um lote na aldeia está custando entre R$ 300,00 e R$ 350,00.Cláudio foi um dos quase 500 indígenas que tiveram oportunidade de participar das audiências promovidas pela Justiça do Trabalho no Núcleo de Atividades Múltiplas (NAM) da Unigran, construído na aldeia Jaguapiru, graças ao trabalho integrado com todos os segmentos interessados em aproximar a cidadania e o acesso à Justiça àquela comunidade. O advogado Ismael Ventura, que representou Cláudio e atuou em várias outras ações, disse que foram obtidos bons acordos ao longo do ano. O juiz presidente do Foro Trabalhista de Dourados, Francisco das Chagas Lima Filho, destacou a parceria com a Unigran e considerou bastante significativa a compreensão do Ministério Público do Trabalho e do Tribunal Regional do Trabalho em participarem dessa iniciativa, pioneira em todo o País, e que ajudou a reduzir as dificuldades enfrentadas pelos índios no mercado de trabalho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TACURU
Motorista morre prensado após bater em trator na rodovia MS-295
DANOS MORAIS
Justiça manda União indenizar Dallagnol por ofensas de Gilmar Mendes
CAPITAL
Servidor da Saúde morre de covid-19 e colegas lamentam "descaso"
EMPREGO
País tem 95 concursos públicos abertos para mais de 10 mil vagas
BRASILEIRAO
CBF anuncia mudanças no protocolo de testes para a Covid-19
RACHADINHA
Defesa de Fabrício Queiroz entra com pedido de liberdade no Supremo
CAMPO GRANDE
‘Preferia morrer ali do que ir com eles’, desabafa mulher vítima de sequestro
INTERNACIONAL
Discurso de Trump é interrompido após tiro do lado de fora da Casa Branca
CORONAVÍRUS
Técnico de enfermagem é o 4º profissional da Saúde morto em Corumbá
JUSTIÇA
Consumidor tem direito de troca imediata de bem essencial ao trabalho

Mais Lidas

DOURADOS
Homicídio ocorreu após madrugada de farra e confusões na Jaguapiru
REGIÃO
Professora morre ao ter moto atingida por carro
PANDEMIA
Paciente internado em Dourados morre de coronavírus
DOURADOS
Acidente entre carro e moto deixa homem em estado gravíssimo