Menu
Busca sexta, 23 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Indígenas querem secretaria com status de ministério

02 julho 2005 - 09h24

Representantes das comunidades indígenas reivindicam a criação de uma secretaria especial com status de ministério, vinculada à Presidência da República, para acompanhar as políticas e ações voltadas às suas populações. A proposta foi apresentada pelos delegados indígenas durante painel na 1ª Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial, que será encerrada hoje. De acordo com a relatora da proposta, Azelene Kaingang, os índios não se sentem contemplados pelas ações da Secretaria Especial de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), que consideram "uma conquista do movimento negro, com ênfase na população negra". A relatora pede uma secretaria para "monitorar, conduzir, pensar, formular, coordenar e articular as políticas relacionadas aos povos indígenas". Ela disse considerar ineficientes as políticas governamentais voltadas para os índios, principalmente devido à falta um órgão especifico. "É preciso que as políticas do governo sejam articuladas. Há algumas ações extremamente importantes, mas elas estão desarticuladas, o que torna os recursos que nós temos insuficientes para os povos, porque eles não são potencializados. Se essas ações forem articuladas por um órgão especifico nós poderemos potencializar nossos recursos ".Os índios também reivindicam mais discussão para a criação do Conselho Nacional de Política Indigenista, "porque nem todos estão sendo contemplados com a proposta que está na Presidência da República". Segundo a relatora, a criação desse conselho atende a proposta do Abril Indígena e ele terá a participação da sociedade civil, dos povos indígenas e do governo. Os representantes indígenas apresentarão 125 propostas ao Plano Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, que será finalizado hoje. O documento, que contemplará políticas voltadas para questões de gênero, cultura e religião, será entregue à ministra Matilde Ribeiro e servirá como um guia de prioridades para a execução de ações pelo governo federal. Os delegados também querem criar uma comissão para levar o documento final ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Profissionais da área da saúde são convocados em processos seletivos do Governo
Idosa denuncia sobrinha por furto em Dourados
POLÍCIA
Idosa denuncia sobrinha por furto em Dourados
Idoso morre no Hospital da Vida quase uma semana após cair de telhado
ACIDENTE
Idoso morre no Hospital da Vida quase uma semana após cair de telhado
Douradenses vacinados contra Covid-19 são quase 50 mil
IMUNIZAÇÃO
Douradenses vacinados contra Covid-19 são quase 50 mil
Empresas do setor da construção civil abrem processo seletivo pela Funtrab
OPORTUNIDADE
Empresas do setor da construção civil abrem processo seletivo pela Funtrab
COVID
Uma dose de vacinas reduz infecção em até 65%, revela estudo
É LEI
ICMS Educacional é promulgado e altera Constituição de Mato Grosso do Sul
COVID-19
Dourados receberá mais 6,7 mil doses de vacinas do novo lote
ABRIL LARANJA
Neno alerta para importância de denunciar maus-tratos contra animais
EDUCAÇÃO
Sisu: Terminam hoje os prazos para matrículas na primeira convocação

Mais Lidas

DOURADOS
Grupo receberia comissão se conseguisse negociar carga de maconha no Água Boa
DOURADOS
Jovem confessa 18 tiros, mas diz que idoso morreu antes por enforcamento
IVINHEMA
Polícia encontra mais de 800kg de maconha em casa alugada para o tráfico
DOURADOS
Ladrão invade alojamento do Hospital da Vida e leva pertences de enfermeiras