Menu
Busca sábado, 27 de fevereiro de 2021
(67) 99257-3397

Índice do IPC registrou aumento no mês de abril em MS

10 maio 2004 - 09h54

Em abril, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), observado em Campo Grande,  que serve de parâmetro para todo o Moto Grosso do Sul, teve um ligeiro aumento de 0,84%.  Este valor é bem superior a inflação de 0,16%  registrada em março. Os aumentos de preços foram assinalados pelos grupos de Habitação, Despesas Pessoais, Educação e Saúde e com uma pequena diminuição nos grupos Alimentação, Transporte e Vestuário. O IPC/CG é calculado mensalmente, por meio de parceria entre a Uniderp, Unaes, Fipe e Seplanct/MS."A inflação acumulada nos últimos 12 meses. No primeiro quadrimestre deste ano, já atingiu 2,54%. Observou-se uma variação significativa no grupo Educação provocada pelos aumentos das mensalidades escolares, no grupo  Habitação face ao aumento da tarifa de energia elétrica, e de ligeiras variações nos demais grupos. A retração de preços no grupo Vestuário foi provocado pelas liquidações e promoções do início de ano devido a troca de moda outono/inverno", explica o coordenador do Núcleo de Pesquisas Econômicas e Sociais da Uniderp, professor Celso Correia de Souza.O grupo Habitação tem o maior peso na composição do Índice de Inflação e no mês de abril influenciou na alta do IPC, pressionado pela variação de 12,99% no preço da energia elétrica. As variações nos produtos como fornode microondas (14,29%), gás de cozinha (8,46%), sabão em barra (6,20) e lâmpada  elétrica (5,13%), contribuíram com a alta ocorrida. Dos produtos com queda nos preços, destacam-se: computador (?17,83%), carvão (-11,15%) e saponáceo (-5,00). O resultado foi uma alta em média de 2,96%, registrada no grupo."Os produtos e serviços do grupo Despesas Pessoais tiveram uma variação de 2,02%, contribuindo na alta do  IPC em 0,15%, a segunda maior contribuição em abril de 2004", ressalta Celso. Neste Grupo, produtos comas maiores altas foram cigarros com variação de 8,09%; revelação fotográfica, 3,98%; e hidratante, 3,97%. Os  gastos com cabeleireiro caíram, em média, 4,70%, conseqüência de promoções nos salões de beleza da Capital.Segundo os pesquisadores, no grupo Educação apenas o item papelaria teve a variação de 3,80%, ficando os  demais componentes sem alteração de preços. "A característica de variação deste grupo é sazonal,principalmente no início do ano quando ocorrem os reajustes das mensalidades e dos preços dos materiais escolares", afirma o coordenador do Nepes.A influência na variação de 0,81% no grupo de Saúde foi provocada pela variação positiva de preços dos remédios, materiais cirúrgicos e algumas vitaminas e fortificantes. Os demais itens da sua composição ficaram estáveis no  período de análise, com pequenas quedas de preços em antiinflamatórios e exames de laboratório. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Adolescente morre e motorista fica gravemente ferido em acidente na BR-163
Chance de ganhar no Nota MS Premiada é 28 vezes maior do que na Mega-Sena
MS
Chance de ganhar no Nota MS Premiada é 28 vezes maior do que na Mega-Sena
Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 50 milhões
PRÊMIO
Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 50 milhões
48 horas com promoções imperdíveis na Relax Life, confira as ofertas
INFORME PUBLICITÁRIO
48 horas com promoções imperdíveis na Relax Life, confira as ofertas
Câmara debate em audiência pública nesta terça a intervenção na UFGD
TV DOURADOS NEWS
Câmara debate em audiência pública nesta terça a intervenção na UFGD
Adolescente que teve 90% do corpo queimado por chapa morre em hospital
ECONOMIA
Aneel mantém bandeira amarela na tarifa de energia elétrica em março
MEIO AMBIENTE
Douradense é multado em R$ 55 mil por desmatamento de vegetação nativa
POLÍTICA
Senadora Soraya indica emendas no valor de quase R$ 1 bilhão ao Agro
Garoto de 14 anos morre ao ser lançado de carro durante capotagem

Mais Lidas

DOURADOS 
Operação desarticula quadrilha especializada em furtos de máquinas agrícolas
DOURADOS 
Mulher é esfaqueada na região central e encaminhada ao HV em estado grave
PARAGUAI
Quadrilha é presa com 1,4 tonelada de cocaína e até avião na fazenda de Pavão
DOURADOS 
Mulher que esfaqueou rival é autuada em flagrante por tentativa de homicídio