Menu
Busca sábado, 31 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Incra inicia assentamento Itamarati II

25 outubro 2004 - 17h00

Começou hoje a implantação do Assentamento Itamarati II, com uma série de audiências, envolvendo as famílias acampadas escolhidas para serem assentadas no local. Durante as reuniões serão explicados pelo superintendente regional do Incra (Instituto Nacional de Colonização e reforma agrária), Luiz Carlos Bonelli, todos os detalhes sobre o novo empreendimento considerados um dos maiores no Brasil, que vai abrigar 2.048 famílias, sendo 720 ligadas ao MST (Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra), 720 da Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura), 328 da CUT-Rural (Central Única de Trabalhadores Rurais), 182 da FAF (Federação da Agricultura Familiar) e 100 da ANFFI (Associação dos ex-funcionários e moradores da Fazenda Itamarati).A Fazenda Itamrati II, está incluída no programa que está criando nos novos assentamentos um novo sistema de produção. É o chamada “Sócioproprietário” que compreende a produção societária e individual dos assentados. Cada família recebe um loteo de três hectares, por exemplo, onde vai morar e produzir o que desejar para sobreviver e comercializar o excedente, e integrar o restante da área a que tem direito aos demais lotes. A grosso modo, o beneficiado recebe 15 hectares, dos quais três será fixado como sítio familiar e os demais 12 anexado a área única de produção.Em Jardim, está em fase de conclusão o piloto desse novo modelo e deverá estar em plena atividade em janeiro próximo. Atualmente os terrenos dos sítios familiares tiveram correção de solo com a construção de curvas de níveis, terraços e receberam calcário. As moradias de no mínimo 40 metros quadrados estão sendo erguidas com água potável encanada e energia elétrica, foram concluídas as ab erturas de estradas internas, entre outras melhorias. É o Assentamento Recanto do Rio Miranda.Além do Recanto do Rio Miranda e da Itamarati II, estão sendo preparados para o novo modelo as fazendas Bebedouro em Nova Andradina, Santa Olga, no mesmo município, Colorado em Iguatemi, Matinha em campo Grande, Santa Marina em Bela Vista e Ponteio em Nioaque., “Não existe outra forma de fazer a reforma agrária a não ser essa. O sistema antigo facilita a evasão dos assentados, a comercialização dos lotes, o que é considerado crime de estelionato e principalmente dificulta em muito a melhoria do nível de vida dos assentados, para melhor”, afirma Bonelli.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Premiado em Londres e editado em Dourados, 'Leão do Mar' será exibido hoje a partir das 20h
CURTA-METRAGEM 
Premiado em Londres e editado em Dourados, 'Leão do Mar' será exibido hoje a partir das 20h
Nota MS Premiada será sorteada neste sábado
COMPRAS
Nota MS Premiada será sorteada neste sábado
Motorista morre após colidir com caminhão e capotar veículo em rodovia estadual
NOVA ANDRADINA
Motorista morre após colidir com caminhão e capotar veículo em rodovia estadual
Hospitais de Dourados estão com 58 pacientes internados em leitos de UTI
SISTEMA DE SAÚDE
Hospitais de Dourados estão com 58 pacientes internados em leitos de UTI
PAGAMENTO
Salários dos servidores estaduais já estão disponíveis para saque
IMUNIZAÇÃO
Pessoas com 20 anos ou mais podem se vacinar em três unidades básicas de saúde
DOURADOS
Traficantes abandonam caminhão com quase 700 quilos de maconha na BR-163
TEMPO
Sábado de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
PARAGUAI
Corpos de militares foram destroçados por bomba enterrada na estrada
CORONAVAC
Butantan pede autorização para vacinar público entre 3 e 17 anos

Mais Lidas

ACIDENTE DOMÉSTICO
Após discussão com entregador jovem acaba ferido
PARAGUAI
Militares executados na fronteira eram sargentos da FTC
PONTA PORÃ
Bilhete ao lado de corpo esquartejado indica próximos "alvos" de criminosos
CLIMA
Dourados bate recorde de frio no ano com geada forte