Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99257-3397

IFMS recepciona calouros com plantio de árvores

02 março 2011 - 17h32

A primeira semana de aula no campus Nova Andradina do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) foi encerrada com a terceira etapa do projeto “Minha Árvore, Minha Vida”. Nele, os calouros dos cursos técnicos ofertados pela instituição plantaram árvores na área do campus. Neste ano, a novidade foi o plantio no período noturno. As atividades acontecerem nos três períodos de aulas.

“Nunca havia plantado uma árvore antes. Achei importante a iniciativa pois ela nos ensina a cuidar e preservar o meio ambiente”, comenta a aluna do primeiro período do curso técnico em Manutenção/Suporte em Informática, Mayara Duarte. Pela primeira vez desde o começo do projeto, o plantio ocorreu no período noturno, com as árvores sendo plantadas perto da biblioteca. De agora em diante, os estudantes são responsáveis pela manutenção das árvores, tendo que irrigar e adubar as plantas.

“As árvores simbolizam o marco de cada um dentro do Instituto. Elas estarão aqui quando eles saírem e quando voltarem para visitar a instituição, as plantas prosseguirão lá, todas identificadas com os nomes de cada um”, destaca a professora-doutora Rienni Queiroz, coordenadora do projeto. Ela ainda chama a atenção para a receptividade dos alunos com relação ao plantio, que acontece desde o começo das atividades nas primeiras turmas do campus. “Eles gostam, pois é algo diferente. Até hoje, todos os alunos participaram”.

Passeio
Na oportunidade, os novos alunos também realizaram um passeio pelo campus, visitando as unidades e instalações do Instituto – no total o campus possui 20 mil metros quadrados. “Foi legal conhecer a estrutura da instituição. Em uma semana já deu para perceber que a escola é diferente das demais, principalmente pela qualificação dos professores e pela estrutura que ela nos oferece”, afirma a aluna do primeiro período do curso técnico em Informática, Brenda Costa. Ela destaca ainda os PAs (permanência de alunos) como um diferencial. Neles, realizados no contra-turno escolar, os alunos podem tirar dúvidas pontuais relacionadas às matérias que estão estudando.

“Com isso conseguimos absorver melhor o conteúdo”, explica. Outro ponto positivo apontado pelos estudantes é a ênfase nas área técnicas – o IFMS oferta cursos técnicos integrados ao ensino médio e à educação de jovens e adultos. “Isso vai nos ajudar muito porque além do conteúdo normal de ensino médio, sairemos com uma profissão em áreas que muitos de nós já têm contato no dia-a-dia”, observa o aluno do primeiro semestre do curso de Agropecuária, Pedro Henrique Lopes.

Atualmente, o campus Nova Andradina do Instituto, primeiro a entrar em funcionamento no Estado, oferta os cursos técnicos em Informática, Agropecuária – ambos integrado ao ensino médio – e Manutenção/Suporte em Informática, integrado a educação de jovens em adultos (Proeja). No total, o campus possui 11 turmas com atividades em andamento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia do Paraguai apreende cocaína escondida em chifre ornamental
GOVERNO BOLSONARO
Ocupação irregular na Amazônia cresceu 56% em dois anos, diz instituto
ANTÔNIO JOÃO
Homem é preso por tentar matar adolescente de 17 anos a tiros
REGIÃO
Inscrições para processo seletivo de estágio em Angélica são prorrogadas
BATAGUASSU
Mulher pediu medida protetiva quatro dias antes de ser morta pelo ex
EMPREGO
Exército Brasileiro abre concursos para 170 vagas de nível superior
CORUMBÁ
Com veículo de locadora, homem tenta ir para a Bolívia visitar o irmão
NÚMEROS DA PANDEMIA
Brasil se aproxima de 437 mil mortes por Covid, com 1.039 nas últimas 24 horas
OPERAÇÃO HÓRUS
PMR apreende contrabando de anabolizantes na rodovia MS-164
BRASIL
Taxas públicas e multas poderão ser quitadas com o PicPay

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS