Menu
Busca quarta, 12 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Holanda quer condenar quem lambe pés femininos

06 agosto 2004 - 23h42

O Partido Trabalhista da Holanda quer aprovar uma lei para transformar em ofensa o inusitado ato de lamber os dedos dos pés de alguém sem pedir licença.Tudo porque a polícia não conseguiu condenar um candidato a Casanova, com um fraco por pés femininos, por não poder provar que isso era um crime. Um porta-voz do partido disse, hoje, que o homem foi detido depois que mulheres que estavam tomando sol nas praias e parques de Roterdã reclamaram que ele as tinha surpreendido ao lamber os dedos de seus pés."As autoridades tiveram de liberá-lo. Lamber os dedos dos pés de estranhos não é comum, mas não há nada de criminoso nisso", disse o porta-voz. Segundo reportagens publicadas pela imprensa holandesa, o homem, de 35 anos, lambe os pés de estranhos há três anos, mas só recentemente foi pego pela polícia. Peter van Heemst, deputado do Partido Trabalhista, pediu a Piet Hein Donner, ministro da Justiça, que explique por que as leis holandesas punem os que jogam lixo na rua, mas se omitem sobre lamber os pés sem a autorização da pessoa. O deputado solicitou uma emenda à Constituição para proibir isso. "É uma violação à privacidade e à integridade. A norma diz que ninguém deve tocar seu corpo sem o seu consentimento", afirmou. Um porta-voz de Piet Hein Donner disse que o ministro não comentaria o caso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASILÂNDIA
Jovem de 23 anos destrói recepção de hospital durante surto
BRASÍLIA
Secretário Mario Frias é submetido a cateterismo de emergência
TRÊS LAGOAS
Homem que matou cantor a tiros em tabacaria é condenado a 46 anos
BRASIL
Câmara aprova projeto que pode restringir atuação da oposição
Homem contrai dívida de R$ 32 mil ao fazer portabilidade de empréstimo
BENEFÍCIO
Cultura prorroga prazo para entrega de documentação do FIC
POLÍCIA
Condutor de lancha envolvida em acidente com morte presta depoimento
EDUCAÇÃO
Metas do Inep para o ano não incluem aplicação do Enem 2021
IVINHEMA
Três dias depois de ser envenenada pela mãe, criança recebe alta
FERIADO
Comarca de Angélica não terá expediente amanhã e sexta-feira

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
INDÁPOLIS
'Frio' e com roupa ainda suja de sangue, assassino de tio não mostrou arrependimento ao ser preso
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
PANDEMIA
Novo decreto mantém toque de recolher às 21h e autoriza abertura de cinema em Dourados