Menu
Busca quarta, 05 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Guardas municipais são atacados por camelôs no Rio de Janeiro

01 setembro 2004 - 22h58

Em operação rotineira de controle urbano, dez guardas do Grupamento Tático Móvel da Guarda Municipal do Rio de Janeiro foram recebidos a pedradas e até tiros de morteiros por grupo de 25 camelôs na tarde de hoje, na altura da rua do Ouvido, centro da cidade. Dois ambulantes, que estavam se documentos, se identificaram como Luciano da Silva Calardini, 22, e Luciano de Souza, 35 anos, foram detidos e encaminhados à 1ª DP (Centro). Segundo os agentes, a equipe patrulhava a Rua do Ouvidor quando foi atacada de surpresa pelos ambulantes que sequer estavam vendendo mercadorias no local. Eles tentaram bloquear o caminho da patrulha atirando pedras e morteiros. Integrava o grupo, o camelô Rodrigo Fernando da Silva que há uma semana foi obrigado a pagar multa de R$ 150 pelo II Juizado Especial Criminal por ter agredido três guardas municipais em conflito no dia oito de junho. Em seguida, os ambulantes fugiram em diversas direções, sendo dois presos pelas equipes da Guarda que chegaram de reforço.Cerca de 40 guardas estão na entorno da rua do Ouvidor para impedir novas ações dos camelôs. Este é o 19º conflito provocado por ambulantes na cidade e o 15º no Centro, o que representa uma queda de 50% no número de tumultos registrados no mesmo período de 2003. Entre 1º de janeiro e 1º setembro daquele ano, foram registrados 38 conflitos, sendo 29 no Centro. Um dos motivos para este resultado é o uso do spray de pimenta, que vem inibindo as agressões dos ambulantes. O ritmo de ações da Guarda Municipal vem crescendo no Centro na proporção inversa: a média de apreensões de CDs piratas, por exemplo, já atinge os quatro mil mensais. O objetivo da Guarda Municipal é manter as calçadas e passeios públicos livres para a circulação dos pedestres. A ação é amparada pelo artigo 17.931 de 24/09/99 do Código de Posturas Municipal, que permite a retenção de mercadorias sem a presença de fiscais, assim como a desocupação de logradouros públicos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Abertas inscrições para seleção de estagiários de Direito em Bela Vista
FRONTEIRA
Casal suspeito de roubo de carros é cercado e homem queimado vivo
SELIC
Copom eleva taxa básica de juros de 2,75% para 3,5% ao ano
Homem incendeia 48 hectares e é autuado e multado em quase R$ 50 mil
CRIME AMBIENTAL
Homem incendeia 48 hectares e é autuado e multado em quase R$ 50 mil
Em dia com 10 mortes, Dourados continua com fila de espera em leitos UTI Covid
PANDEMIA
Em dia com 10 mortes, Dourados continua com fila de espera em leitos UTI Covid
JUSTIÇA
Ex-prefeito de Campo Grande é preso por corrupção e lavagem de dinheiro
FUTEBOL
DAC vence Operário de virada no Douradão e embola briga pelo título Estadual
DOURADOS
Mulheres vítimas de violência doméstica terão prioridade nos programas habitacionais do município
INFRAESTRUTURA
Novos investimentos serão anunciados em Dourados, diz Sérgio Murilo
COTAÇÃO
Dólar fecha em queda no dia de decisão sobre taxa básica de juros

Mais Lidas

INVESTIGAÇÃO
Homem é preso suspeito de estuprar quatro sobrinhas em Dourados
DOURADOS
Fumaça em estrada causa colisão entre caminhões e leva transtorno a moradores; vídeo
PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira