Menu
Busca terça, 13 de abril de 2021
(67) 99257-3397

"Gripe do frango" pode matar milhões de pessoas, diz OMS

27 janeiro 2004 - 10h58

A "gripe do frango" poderá matar milhões de pessoas se a cepa mais perigosa que avança agora pela Ásia se combinar com uma forma de gripe humana, que também se desloca atualmente para o continente, advertiu hoje a OMS (Organização Mundial da Saúde).O governo chinês confirmou hoje que vários patos também morreram por causa da "gripe do frango", que agora deveria ser chamada de "gripe das aves", na região de Guangxi (sul do país), informou a agência de notícias Nova China.Bangcoc prepara-se hoje para receber uma conferência internacional sobre a luta contra a epidemia da "gripe das aves", que afeta nove Estados asiáticos e já causou a morte de oito pessoas.O Laos também reconheceu que está afetado por uma forma atenuada da "gripe do frango".VírusO vírus H5N1 matou hoje um menino de seis anos de idade na Tailândia, o que eleva a dois o número de mortes no país. A morte de outro menino tinha sido anunciada ontem.No total, a "gripe do frango" causou a morte de oito pessoas, incluindo seis no Vietnã e duas na Tailândia.Nove Estados reconheceram a existência da enfermidade em seu território, em graus diversos: Coréia do Sul, Japão, Taiwan, Vietnã, Tailândia, Laos, Paquistão, Indonésia e Camboja.Na reunião de hoje em Bangcoc, representantes dos Estados afetados, dos países ameaçados, dos importadores de frangos e de especialistas internacionais discutirão uma situação em que mais de 20 milhões de frangos já morreram em conseqüência da enfermidade ou foram sacrificados.ApeloTrês agências da ONU fizeram hoje um apelo para que se ajude os países pobres a enfrentar a epidemia, que qualificaram de "grave ameaça mundial para a saúde humana".Em um comunicado conjunto, a OMS (Organização Mundial da Saúde), a FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação) e a OIE (Organização Internacional de Epizootias) fizeram "um apelo aos doadores para fazer frente à ameaça mundial da "gripe do frango" e fornecer recursos e assistência técnica aos países, a fim de ajudá-los a eliminar a ameaça"."Trata-se de uma grave ameaça mundial para a saúde humana", declarou o diretor da OMS, Lee Jong-wook, citado no comunicado. A OMS estima que é preciso evitar que o vírus entre em mutação e passe a ameaçar mais diretamente o homem, quando se sabe que não haverá uma vacina disponível antes do fim do ano.A OMS defende a cooperação regional e a transparência, quando vários países tentaram em um determinado momento ocultar a epidemia. A OMS pede ainda o sacrifício sistemático das aves enfermas, uma medida que não está sendo aplicada da mesma maneira em todos os países.É relativamente fácil sacrificar em massa os frangos de aviários industriais, mas a tarefa é muito mais complicada no campo quando são criados ao ar livre e constituem uma fonte de renda imprescindível para os camponeses pobres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Ladrões fingem fazer revisão em cerca elétrica e assaltam casal de idosos
BRASIL
Senado aprova prorrogação da situação de emergência de saúde no país
Máquina agrícola atinge caminhonete, carro e só para após tombar
GLÓRIA DE DOURADOS
Máquina agrícola atinge caminhonete, carro e só para após tombar
TRÂNSITO
Nova Lei proíbe o transporte de menores de 10 anos em motocicletas
Celular "bombando" entrega traficante, que é preso com cocaína
VACINA
Ministério da Saúde divulga lista, por estado, de quem não tomou segunda dose
MEIO AMBIENTE
Dono de chácara é multado em R$ 5 mil por construir tanques de piscicultura
COXIM
MP denuncia ex-prefeito, ex-secretários e empresários por associação criminosa
CAPITAL
Após espancar, homem ameaça colocar fogo em casa com a ex dentro
BRASIL
Câmara aprova projeto que prorroga entrega do IR até 31 de julho

Mais Lidas

ITAPORÃ
Jovem morta com tiros de escopeta tinha passagem por tráfico de drogas
IZIDRO PEDROSO
Estado doará terrenos e busca parceria para construir casas populares em Dourados
DOURADOS
Homem foi baleado com cinco tiros no Parque do Lago II
DOURADOS
Homem sofre tentativa de homicídio na região do Parque do Lago II