domingo, 16 de janeiro de 2022
Dourados
36°max
22°min
Campo Grande
34°max
23°min
Três Lagoas
36°max
25°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Governo unifica programas sociais e lança o Bolsa Família

20 outubro 2003 - 11h46

O Governo Federal deu início ao processo de unificação dos programas sociais de transferência de renda e lançou, na manhã desta segunda-feira, o Programa Bolsa Família, que deverá beneficiar inicialmente mais de 1,2 milhão de famílias integrantes do Cadastro Único e participantes do Bolsa-Escola, Bolsa-Alimentação e o Cartão Alimentação.  O lançamento ocorre na mesma ocasião em que o Presidente Luiz Inácio Lula da Silva assina a portaria de criação da Secretaria Executiva do Programa Unificado Bolsa Família, sob a gestão de Ana Fonseca.A Caixa Econômica Federal será o agente operador do Programa, que tem o seu primeiro pagamento já no dia 27 de outubro em todo o país. Serão transferidos inicialmente cerca de R$ 89 milhões por mês para as famílias beneficiárias, por meio dos mesmos cartões magnéticos já utilizados por elas atualmente. O benefício pode ser sacado nos mais de 16 mil pontos de atendimento da CAIXA, como lotéricas, correspondentes bancários do CAIXA Aqui, caixas eletrônicos e agências do banco. O Bolsa Família tem como objetivo combater a fome, a pobreza e as desigualdades sociais, simplificando o acesso aos benefícios pagos pelo governo e aumentando o valor desses benefícios. O valor máximo do benefício será de R$ 95,00 por família, sacado de uma única vez, um valor (em muitos casos) três vezes superior ao que muitas das famílias vinham recebendo dos programas em que estavam cadastradas.  O Bolsa Família vai oferecer dois tipos de benefícios: o básico (fixo) e o variável, que podem ser acumulados ou não. O benefício básico, no valor de R$ 50,00 mensais, será concedido às famílias em situação de extrema pobreza, independentemente do número de membros do grupo familiar. A este poderá se somar o benefício variável, no valor de R$ 15,00, dependendo do número de filhos com faixa etária de 0 a 16 anos incompletos, até o teto de 3 benefícios por família (R$ 45,00). A CAIXA estima que as famílias beneficiadas com o Bolsa Família devam receber em média R$ 75,00, o que já seria mais que o triplo para aqueles que recebem os R$ 7,50 do Auxílio-Gás e mais R$ 15,00 do Bolsa-Escola.  Para famílias que recebem, na totalidade dos programas dos quais já fazem parte, um valor superior ao teto de R$ 95,00 do Bolsa Família, não haverá redução no valor recebido. Quase 54% dos recursos do programa serão pagos a famílias da região Nordeste, principalmente do semi-árido, num total de 656.343 benefícios. O Sudeste vai receber 22,8% dos recursos, com o pagamento de 278.617 benefícios. As famílias da região Sul ficarão com 9,2% (11.962 benefícios); a Norte com 8,8% (107.139); e Centro-Oeste com 5,3% (63.889). No próximo dia 27, o pagamento estará disponibilizado em 3.946 municípios do país. As famílias beneficiadas deverão obedecer às seguintes condições: estar em situação de extrema pobreza, com renda mensal per capita de R$ 50,00; pobres e extremamente pobres, com crianças e jovens entre 0 e 16 anos incompletos, com renda mensal de até R$ 100,00 per capita; todos os membros da família devem participar do acompanhamento de saúde e das ações de educação alimentar promovidas pelos governos federal, estadual e/ou municipal; todas as crianças em idade escolar devem estar matriculadas e freqüentando o ensino fundamental. A intenção do governo é unificar gradualmente todos os programas de transferência de renda hoje existentes, incluindo todas as famílias do Cadastro Único, com a meta de chegar às 11,4 milhões de famílias brasileiras em situação de pobreza (dados IBGE/PNAD). A expectativa da CAIXA é de que até dezembro deste ano, já estejam fazendo parte do Bolsa Fam> ília 3,6 famílias. CADASTRO ÚNICO - O Governo Federal homologou a nova versão do sistema que permite a atualização de dados no Cad. Único. Desde o início de setembro, já é possível aos municípios alterar e/ou fazer a manutenção de informações dos cadastros existentes. Além disso, os gestores estaduais estão sendo treinados para operacionalizar o cadastramento junto aos seus municípios.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LOTERIA

Confira as dezenas sorteadas do concurso 2444 da Mega-Sena

PMR apreende veículo com carga de contrabando e descaminho
MARACAJU

PMR apreende veículo com carga de contrabando e descaminho

BRASIL

Ministro da Saúde defende aplicação de dose de reforço contra covid

VIOLÊNCIA

Jovem agride avô com cabo de vassoura por causa de R$ 320

DATAFOLHA

Brasileiros que afirmam ter contraído Covid são o dobro do oficial

Ao oferecer ajuda, homem é feito refém e tem carro roubado

GERAL

Pavimentação da MS-352 recebe mais R$ 44,6 milhões na segunda fase

AMAMBAI

Homem morre eletrocutado depois de subir em poste de energia

BRASIL

Correios decidem manter os preços de despachos das encomendas

CRIME AMBIENTAL

Arrendatário é multado por e armazenamento de embalagens de agrotóxicos

Mais Lidas

REGIÃO

Carro pega fogo e motorista morre em colisão entre Dourados e Fátima do Sul

DOURADOS

Confusão próxima à região conhecida como 'cracolândia' deixa homem ferido

TRAGÉDIA

Motorista carbonizado em acidente na BR-376 morava em Dourados

DOURADOS

Homem é preso por agredir, trancar em cômodo e ameaçar matar mulher e filha com facão