Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
(67) 99257-3397

Governo tem 30 dias para definir despesas de 2008

25 março 2008 - 10h45


Em sua página na Internet, o Ministério do Planejamento informa que o governo federal tem 30 dias para editar o Decreto de Programação Orçamentária e Financeira para o ano de 2008, onde serão definidos limites de empenho e de pagamento para as despesas de custeio e investimento dos órgãos da administração pública federal.
A nota do Ministério do Planejamento esclarece que o governo tem pressa em definir esses limites para que os órgãos possam realizar os empenhos imediatamente, considerando que se trata de um ano eleitoral e as transferências a estados e municípios não podem ser feitas depois do dia 5 de julho.
Como o Orçamento demorou de ser aprovado no Congresso Nacional, até agora a administração pública só podia gastar 1/12 da programação constante no projeto de lei relativa ao custeio. A exceção era para as despesas obrigatórias como as destinadas ao Sistema Único de Saúde, juros das dívidas e pagamento de pessoal.
Nesta segunda-feira (dia 24), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei Orçamentária da União de 2008 sem vetos, que foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União. A lei estima para o exercício financeiro uma receita de R$ 1, 424 trilhão. O exercício financeiro é o período em que deve vigorar ou ser executada a lei orçamentária. No Brasil, esse período vai de 1º de janeiro a 31 de dezembro.
Na lei sancionada pelo presidente a receita total estimada nos Orçamentos Fiscal e da Seguridade Social é de R$ 1,362 trilhões e inclui a emissão de títulos destinados ao refinanciamento da dívida pública federal, interna e externa, de R$ 416,3 bilhões.
Ainda segundo a nota do Ministério do Planejamento e Gestão o orçamento de investimento das empresas estatais federais é de R$ 61,6 bilhões, sendo R$ 54 bilhões de recursos próprios, R$1,3 bilhões de recursos para aumento de patrimônio líquido, R$ 2,3 bilhões de operações de crédito de longo prazo e o restante no valor de R$ 4 bilhões advindos de outros recursos.
iniciaCorpo("15;12;16;13;17;14;18;15");

Deixe seu Comentário

Leia Também

Prefeito paraguaio diz que 'polícia encobre o autor de chacina
FRONTEIRA
Prefeito paraguaio diz que 'polícia encobre o autor de chacina
'LOREM IPSUM'
Governo Bolsonaro faz post sem conteúdo sobre mil dias de gestão
PMA recolhe filhotes de beija-flor que caíram com ninho durante ventania
MEIO AMBIENTE
PMA recolhe filhotes de beija-flor que caíram com ninho durante ventania
CORTE DE VERBA
Bolsonaro sanciona lei que retira mais de R$ 600 milhões da ciência
Prefeitura de Naviraí interdita ponte por conta de risco de desabamento
REGIÃO
Prefeitura de Naviraí interdita ponte por conta de risco de desabamento
CULTURA
Festival de dança valoriza a melhor idade e promove a confraternização
VIOLÊNCIA
Diretor-adjunto é condenado por estuprar criança de 10 anos em escola
DOURADOS
Incubadoras da UFGD selecionam propostas de novos empreendimentos
CAPITAL
Ao se negar entregar celular a ladrão, menina de 12 anos é esganada
VACINA
Saúde reduz intervalo da AstraZeneca de 12 para 8 semanas

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia indicia três e recupera R$ 32 milhões de golpe milionário em empresa
DOURADOS
Asfalto de avenida cede na região Norte e trânsito é interrompido
CLIMA
ASSUSTADOR: Vídeo mostra chegada da tempestade de poeira em Dourados
CLIMA
Ventos de 40 km/h causam estragos em Dourados