Menu
Busca sábado, 06 de março de 2021
(67) 99257-3397
MATO GROSSO DO SUL

Governo do Estado e MPMS alinham estratégias de fiscalização no combate a Covid

21 janeiro 2021 - 20h20Por Da Redação

Procurador-Geral de Justiça, coordenadores dos grupos/núcleo da saúde e educação do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), Governador do Estado e Secretários Estaduais da Saúde, Educação e Segurança Pública se reuniram na tarde desta quinta-feira (21), na Governadoria, para alinhar estratégias de combate à pandemia de Covid-19 para este ano. A manutenção do toque de recolher, a fiscalização da aplicação de vacinas nos municípios e planos de retorno às aulas na Rede Estadual de Ensino foram pauta do encontro.

Governo do Estado e MPMS vão fiscalizar a aplicação das vacinas contra a Covid-19 na população para que não haja desvios de doses do imunizante e para que o Plano Nacional de Imunizações (PNI), estabelecido pelo Ministério da Saúde, seja cumprido integralmente. Conforme determinado no PNI, a fase 1 da campanha de imunização tem como público-alvo profissionais de saúde que atuam na linha de frente da pandemia, trabalhadores de salas de vacinas, indígenas que moram em aldeias rurais e idosos que vivem em instituições de longa permanência, conhecidas como asilos.

Para conter a propagação do vírus causador da Covid-19, diminuir o número de infecções e desafogar as estruturas de saúde, o toque de recolher em todo o Estado deve ser prorrogado, com apoio do MPMS. Decreto com a determinação será editado e publicado em diário oficial. A medida que limita a circulação de pessoas continuará sendo fiscalizada pelas forças de segurança de Mato Grosso do Sul.

No encontro, o Governo do Estado ainda apresentou três planejamentos de volta às aulas da Rede Estadual de Ensino, o primeiro presencial, o segundo híbrido e o último remoto. Com todas as escolas já equipadas com kits e equipamentos de proteção para alunos, professores e técnicos administrativos, o plano de retorno às aulas ideal para o ano letivo de 2021 será definido em conjunto entre os setores de Educação e Saúde.

Participaram da reunião o governador Reinaldo Azambuja; o procurador-geral de Justiça do MPMS, Alexandre Magno de Benites Lacerda; os secretários estaduais Geraldo Resende (Saúde), Maria Cecilia Amendola da Motta (Educação) e Antônio Carlos Videira (Justiça e Segurança Pública); e os promotores de Justiça Paulo Roberto Gonçalves Ishikawa (chefe de gabinete do PGJ), Filomena Aparecida Depolito Fluminhan (coordenadora-adjunta do Grupo de Atuação Especial de Defesa da Saúde-GAEDS), Ana Cristina Carneiro Dias (coordenadora do Núcleo da Cidadania do MPMS) e Vera Aparecida Cardoso Bogalho Frost Vieira, Coordenadora Adjunta do GEDUC (Grupo de Atuação Especial de Educação).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Temporada de pesca começa com alto índice de conscientização ambiental
MEIO AMBIENTE
Temporada de pesca começa com alto índice de conscientização ambiental
Aiatolá iraquiano diz ao papa que cristãos deveriam viver em paz
INTERNACIONAL
Aiatolá iraquiano diz ao papa que cristãos deveriam viver em paz
Paranaense é autuado em R$ 5 mil por construir estrada sem autorização ambiental
REGIÃO
Paranaense é autuado em R$ 5 mil por construir estrada sem autorização ambiental
FRONTEIRA
Moradora acorda com barulho e encontra janelas 'furadas de bala'
Dourados tem mais de 40 pessoas internadas em UTI's com Covid
PANDEMIA
Dourados tem mais de 40 pessoas internadas em UTI's com Covid
FUTEBOL
Pelo Carioca, Flamengo recebe o Macaé no Maracanã
NOVA ANDRADINA
Dupla é presa por tráfico, direção perigosa, desobediência e infração de medida sanitária
PORTO MURTINHO
Pecuarista é autuado em R$ 90 mil por desmatar vegetação em área protegida
PANDEMIA 
Em seis dias, MS registrou quase 80 óbitos por coronavírus
FUTEBOL
Paulistão tem clássico San-São neste sábado

Mais Lidas

PONTA PORÃ
Casal é assassinado na fronteira e corpos são deixados um ao lado do outro
EXECUÇÃO
Executado na fronteira era publicitário e morador em Dourados
DIÁRIO OFICIAL
Guarda municipal de Dourados condenado por tráfico em SP é demitido
MATO GROSSO DO SUL
Ministro da Justiça lamenta morte de coronel Adib e posta foto antiga do GOF