Menu
Busca sábado, 15 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Geraldo Resende marca reunião de prefeitos com ministro

15 março 2011 - 16h10

O deputado federal Geraldo Resende (PMDB-MS) marcou para o dia 23, próxima quarta-feira, reunião no Ministério da Integração Nacional, entre o ministro Fernando Bezerra e os prefeitos dos municípios afetados pelo excesso de chuvas em Mato Grosso do Sul. Segundo Geraldo, que participou segunda-feira (14) de reunião na Assomasul (Associação dos Municípios do Estado) para avaliar os prejuízos causados por temporais, o governador André Puccinelli também deve participar da audiência ministerial e reforçar a preocupação quanto à demora no socorro às cidades.

Geraldo defendeu, na reunião da Assomasul, mobilização da bancada em apoio aos municípios em situação de emergência, notando que até o momento o governo federal não sinalizou pela liberação de dinheiro. O anúncio feito na sexta-feira pelo ministro Bezerra, de repasse de R$ 5 milhões ao governo do Estado, foi recebido pelos prefeitos com preocupação. “É muito pouco para atender as emergências”, diz Geraldo.

Hoje são oito municípios em situação de emergência, mas no total, 13 foram afetados pelo excesso de chuvas e tiveram prejuízos com alagamentos, queda de pontes e interdição de estradas vicinais. Estão à espera de ajuda federal os municípios de Aquidauana, Anastácio, Coxim, Paranaíba, Dois Irmãos do Buriti, Rio Verde, Bandeirantes, São Gabriel do Oeste, Sidrolândia, Miranda, Corumbá, Ribas do Rio Pardo e Camapuã.

Em razão das chuvas, há prejuízos no escoamento da produção e o transporte escolar está suspenso, comprometendo o funcionamento de escolas rurais. “Vamos insistir na liberação dos recursos pleiteados pelos prefeitos e também cobrar a liberação de emendas contingenciados”, disse Geraldo.

Geraldo disse que é preciso também a mobilização dos prefeitos através da Assomasul, a CNM (Confederação Nacional de Municípios) e FNP (Frente Nacional de Prefeitos. “O problema agora é emergencial, mas tempos recursos já empenhados que estão retidos em razão do corte no Orçamento. Acredito que a pressão deve ser também por recurso novo”.

Para Geraldo, a audiência no dia 23 será importante para dar tamanho às preocupações e assim sensibilizar o ministro Fernando Bezerra acerca da situação, que afeta não apenas as cidades, mas tem forte impacto na economia do Estado, baseada na agropecuária. “Além dos prejuízos à economia, devido a quebra da safra, estimada em 30%, em algumas cidades, como Aquidauana, Anastácio, Coxim e Ribas do Rio Pardo, há propriedades isoladas e estradas intransitáveis”.

Recursos retidos

Geraldo Resende disse que a bancada federal pode ajudar pressionando a liberação de recursos destinados à cobertura de prejuízos das chuvas que estão retidos em Brasília desde o ano passado. Parte dos recursos alocados em razão do estado de emergência em nove cidades, por causa das chuvas do ano passado, ainda não foi repassada.

Geraldo disse que a bancada federal também pode fazer a interlocução no sentido de facilitar o acesso dos produtos a novas linhas de crédito e condições especiais para renegociação de dívidas em virtude da frustração da safra. Em outubro do ano passado foram afetados com a chuva, granizo e temporais Anaurilândia, Bataguassu, Batayporã, Naviraí, Nova Andradina, Santa Rita do Pardo, Selvíria e Três Lagoas. Todos esses municípios cumpriram os procedimentos para ter acesso a recursos do Ministério da Integração Nacional. Do montante de R$ 9.654.479,20, apenas 30% foram liberados, segundo o governo do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL
Final do Cariocão 2021 começa neste sábado com o clássico Fla x Flu
TV furtada de comércio é recuperada e mulher presa por receptação
DOURADOS
TV furtada de comércio é recuperada e mulher presa por receptação
Deputado quer posto de saúde para atender cinco bairros em Dourados
LEGISLATIVO DE MS
Deputado quer posto de saúde para atender cinco bairros em Dourados
LEVOU OUTROS PERTENCES DO 'BAÚ'
Jovem tem moto furtada no centro de Dourados
Detran-MS continua mutirão de renovação de CNH com EAR neste sábado
PERMISSÃO
Detran-MS continua mutirão de renovação de CNH com EAR neste sábado
DOURADOS
Bandido furta comércio e é preso logo depois com bebidas que havia levado
CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
SAÚDE & BEM-ESTAR
Hospital dos Olhos Dourados orienta sobre a importância do acompanhamento oftalmológico na infância
ACIMA DE 69 ANOS
Dourados tem 'Dia D' para 2ª dose da coronavac em idosos acima de 69 anos
TEMPO
Temperatura continua amena em Dourados e máxima não passa de 26ºC

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Murilo Zauith passa por reabilitação e segue internado em SP
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
DOURADOS
Criança encontrada morta apresentou problemas estomacais uma semana antes
CACHOEIRINHA
Polícia fecha ponto de distribuição de drogas e prende abastecedor