Menu
Busca sexta, 14 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Gasto com viagens internacionais soma US$ 16 bi e bate recorde

25 janeiro 2011 - 15h26

O gasto de brasileiros com viagens e cartão de crédito fora do país chegou ao valor recorde de US$ 16,4 bilhões em 2010, segundo dados do Banco Central. Houve aumento de 50% em relação ao verificado em 2009.

A despesa de estrangeiros que visitam o Brasil também bateu recorde, mas cresceu menos (12%), para 5,9 bilhões.

A diferença entre os dois números representa um deficit de US$ 10,5 bilhões, valor inédito e que responde por mais de 20% do resultado negativo total do Brasil nas suas transações com exterior.

INVESTIMENTO ESTRANGEIRO

O BC também divulgou nesta terça-feira que os investimentos estrangeiros diretos, aqueles destinados ao setor produtivo, bateram recorde em 2010 em valores absolutos. Em relação ao PIB (Produto Interno Bruto), no entanto, ainda estão abaixo do verificado antes da crise do final de 2008.

Segundo dados do Banco Central, entraram no país US$ 48,5 bilhões, quase o dobro do verificado em 2009 (US$ 25,9 bi).

Contrariando a previsão do BC e do mercado financeiro, o dinheiro foi suficiente para financiar o deficit externo do país no mesmo período, que ficou em US$ 47,5 bilhões.

Somente em dezembro, foram US$ 15 bilhões, revertendo o resultado fraco verificado no meio do ano. O valor é recorde, impulsionado por operações no setor de petróleo e gás natural

Na comparação com o PIB, o resultado subiu de 1,6% para 2,33% em 2010, abaixo do verificado em 2007 (2,53%) e 2008 (2,73%).

AÇÕES

Os investimentos estrangeiros em ações e títulos somaram US$ 52,3 bilhões, ante US$ 47 bilhões um ano antes.

Para ações negociadas no país foram destinados US$ 30,6 bilhões no ano passado, ante US$ 32 bilhões em 2009.

O investimento em títulos negociados no país ficou negativo novamente em dezembro, reflexo do aumento do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) em outubro para reduzir esse tipo de operação, que atrai muitas aplicações de curto prazo no país e ajuda a derrubar a cotação do dólar. No ano, entraram US$ 14 bilhões, ante US$ 10 bilhões em 2009.

RESERVAS INTERNACIONAIS

As reservas internacionais somaram US$ 288,6 bilhões, em dezembro, aumento de US$ 3,1 bilhões em relação ao estoque do mês anterior.

No mês, o BC comprou liquidamente US$ 2,1 bilhões no mercado doméstico de câmbio. Ocorreram, ainda, receitas de US$ 431 milhões com a remuneração das reservas, enquanto as demais operações externas, principalmente aquelas relacionadas a variações de preços e de paridades, elevaram o estoque em US$ 570 milhões.

CONTAS EXTERNAS

Também nesta terça-feira, o BC divulgou que o aumento nas viagens internacionais, nas remessas de lucros e nas importações levou o Brasil a registrar um deficit recorde nas contas externas em 2010 de US$ 47,5 bilhões.

O valor é quase o dobro do registrado em 2009 (US$ 24,3 bilhões), quando a desaceleração da economia ajudou a segurar esse resultado negativo, que reflete a vulnerabilidade do país a choques externos.

Na comparação com o PIB (Produto Interno Bruto), o deficit passou de 1,52%, em 2009, para 2,28%, no ano passado, maior desde 2001 (4,2%), segundo dados do Banco Central.

Viagens, lucros e comércio exterior contribuíram, cada um, com cerca de US$ 5 bilhões para o aumento do deficit do ano passado em relação a 2009. Também pesou o aumento de gastos com serviços no exterior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PESQUISA
Datafolha: 51% reprovam Bolsonaro na pandemia; 21% aprovam
Torneio de pesca esportivo vai distribuir R$ 100 mil em prêmios
CORUMBÁ
Torneio de pesca esportivo vai distribuir R$ 100 mil em prêmios
Motorista é preso com 45 mil pacotes de cigarros contrabandeados
TACURU
Motorista é preso com 45 mil pacotes de cigarros contrabandeados
TEMPO
Sexta-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
CASSILÂNDIA
Funcionário de fazenda morre após bater em árvore e ser atropelado por trator
RIO DE JANEIRO
Primeira vereadora trans de Niterói deixa o país após ameaças de morte
TRÁFICO
Polícia do Paraná apreende 2,3 toneladas de maconha que saíram de MS
COMISSÃO NO SENADO
Executivo da Pfizer diz que tentou 6 vezes vender vacinas, e governo não quis
CAMPO GRANDE
Polícia prende mulher que guardava droga a mando de marido preso
PREVIDÊNCIA
Prova de vida do INSS volta a valer a partir de junho nas agências

Mais Lidas

DOURADOS
Descontrolado, pastor xinga policiais por ser orientado a diminuir som de igreja
PESQUISA
Estudo confirma presença de dinossauros em Mato Grosso do Sul
ARTISTA
Desenhista de MS "consagrado" por Silvio Santos terá novo encontro com apresentador
CORONAVÍRUS
Murilo Zauith passa por reabilitação e segue internado em SP