Menu
Busca terça, 11 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Futebol: Eurico Miranda responde críticas de Pelé

16 setembro 2004 - 21h18

Apesar de ter afirmado, anteriormente, que não faria nenhum comentário sobre as declarações de Pelé sobre supostas irregularidades em grandes clubes do futebol brasileiro, como Corinthians, Flamengo e Vasco da Gama, o polêmico presidente do Cruzmaltino, Eurico Miranda, decidiu voltar atrás e criticou a posição do Atleta do Século. Durante participação em programa esportivo da TV Bandeirantes, no início da tarde desta quinta-feira, o cartola afirmou que Pelé não tem nenhum direito de criticar o Vasco, uma vez que não conhece o clube carioca. “Ele (Pelé) não tem direito de acusar instituições levianamente. Não sou homem de acordo e nada foi provado contra mim. Eu vivo sendo bombardeado, mas não tenho rabo, em nenhum sentido”, disse Eurico Miranda. O dirigente também lembrou que o dinheiro investido pelo Nations Bank, antigo parceiro econômico do Vasco, propiciou uma grande melhora na infra-estrutura do clube carioca, que, na época, chegou à final do primeiro Mundial de Clubes da Fifa, onde foi derrotado pelo Corinthians. "É só ver o nosso patrimônio, o grande projeto olímpico que fizemos (para as Olimpíadas de Sydney, em 2000), o investimento em jogadores. O Vasco tem seus poderes constituídos, verifica tudo, tem as contas aprovadas e não tem o que discutir. Esse direito de acusar o Vasco não pode existir. Não devemos um centavo à Receita Federal, nem ao INSS”, afirmou Eurico Miranda.Mas não foi só Pelé quem foi criticado por Eurico Miranda nesta quinta-feira. O dirigente também não poupou o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, utilizando como um dos argumentos para alfinetar o cartola a convocação do goleiro Fábio para a seleção brasileira. “Sobre o Ricardo Teixeira, minha relação com ele é nenhuma, ele é um mal para o futebol brasileiro porque é contra os clubes. Tem amistosos da Seleção e ele recebe US$ 1 milhão, e no mesmo dia tira o jogador do time, que não recebe nada por isso. Nós não devemos um centavo para o Fábio, ele vai para a Seleção, sem receber nada deles, volta e ameaça sair do clube”, bradou o dirigente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARANAÍBA
Jovem mata ex-namorado da mãe a facadas após presenciar agressão
SENADO
CPI vai questionar negociações do Itamaraty para garantir cloroquina
ANHANDUÍ
Pedestre morre após ser atropelado por caminhão baú na BR-163
IMUNIZANTES
Saúde receberá 8,2 milhões de doses de vacina até sexta-feira
Homem que abusou da mulher é denunciado por estuprar a filha
FUTEBOL
Costa Rica vence Aquidaunense e retoma a liderança do Estadual
CRIME AMBIENTAL
Animais são abandonados, morrem e mulher é multada em R$ 4 mil
JUSTIÇA
Juiz determina que Carla Zambelli tire vídeo da canção 'Milla' do ar
CAPITAL
Homem morre após cair de três metros ao conferir estoque de loja
TJ/MS
Concurso Extrajudicial terá audiência pública no dia 27 de maio

Mais Lidas

PANDEMIA
Levado pela Covid-19, "João da União" deixa legado para família e em Dourados
DOURADOS
Homem morre no HV após acidente com condutor que empinava moto
INDÁPOLIS
Homem assassinado em distrito sofreu vários golpes de facão e teve mão decepada
DOURADOS
Juiz manda Câmara exonerar nomeados e realizar novo concurso público