Menu
Busca domingo, 16 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Frente de asfalto chega à Vila Adelina

17 agosto 2004 - 15h53

Como parte do lote 4 do projeto de drenagem de águas pluviais e pavimentação asfáltica, a Prefeitura de Dourados iniciou esta semana a sétima frente de obras das 13 previstas com recursos de R$ 10 milhões do Ministério das Cidades, na Vila Adelina. Os trabalhos começaram com a implantação de galerias de águas pluviais na rua Araguaia, na divisa com a Chácara Rigotti.Essa frente, a exemplo de outras seis em execução na cidade, faz parte das 13 obras de pavimentação asfáltica anunciadas e iniciadas pela Prefeitura de Dourados há dois meses, com cerca de R$ 13 milhões, dos quais R$ 2.842.876,00 de contrapartida do Município, segundo explica o secretário Municipal de Infra-Estrutura, Jorge Hamilton Torraca.Na região do Jardim Água Boa, conforme o projeto, são desenvolvidas duas frentes de pavimentação, a primeira, que começou pela rua Adelina, a partir da rua Manoel Rasslen, em direção ao centro da cidade e a segunda, na Vila Adelina, onde estão sendo implantadas as galerias de águas pluviais.O secretário explicou que cerca de 45% das obras da primeira frente de pavimentação no Água Boa já estão concluídas, chegando à divisa do BNH-4º Plano, na esquina das ruas Gonçalo Nunes Siqueira com Benedito Alves Guimarães (antiga W-23). “Com isso, estamos fechando a pavimentação em dois importantes bairros da cidade”, destaca Torraca.A Prefeitura ainda tem como projeto, de acordo com Torraca, mais seis frentes de pavimentação asfáltica, das quais já estão em execução as primeiras fases na região do Jardim Canaã 3 e João Paulo II e Jardim Cuiabazinho e Márcia. Também estão previstas no projeto o asfalto no prolongamento da rua José Roberto Teixeira e no Parque Alvorada, da avenida Júlio Marques de Almeida e na região do Conjunto Terra Roxa.Outras frentes em execução, nos bairros Jardim Leste e Jardim Guarujá, estão em fase conclusão; no Jardim Canaã 1, já foram implantados mais de 600 metros lineares de drenagem de águas pluviais. Na região do Jardim Novo Horizonte e Parque do Lago, a principal tubulação para drenagem foi instalada na avenida Lindalva Marques Ferreira. Torraca lembrou que os R$ 10 milhões liberados pelo Ministério das Cidades para a implantação dessas obras fazem parte de um projeto encaminhado pela Prefeitura de Dourados a Brasília e que teve a coordenação, no Orçamento da União, do deputado federal João Grandão, com apoio da bancada federal de Mato Grosso do Sul no Congresso Nacional.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Veículo carregado com duas mil doses de vacina da gripe se envolve em batida
BR-163
Veículo carregado com duas mil doses de vacina da gripe se envolve em batida
POLÍCIA
Bebê de um ano e avó ficam reféns de sequestradores por seis horas
EDUCAÇÃO
Curso gratuito de desenvolvimento de aplicativos tem 40 vagas para jovens de sete municípios
JUSTIÇA
Retomada de implantação de sistema de apoio ao consumidor começa nesta segunda-feira
Por intermédio da Agepen, primeira certidão de nascimento digital de preso indígena é emitida
ESTADO
Por intermédio da Agepen, primeira certidão de nascimento digital de preso indígena é emitida
COVID-19
Botucatu inicia neste domingo vacinação em massa da população adulta
REGIÃO
Homem é encontrado morto com sinais de atropelamento
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS
MINISTRO
Queiroga diz que ministério estuda campanha de testagem contra covid
PANDEMIA
Mato Grosso do Sul confirma 1,2 mil casos de Covid-19

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
TRÁFICO DE DROGAS
Chefe do 'Comando Vermelho' e foragido há seis meses é preso em Dourados
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
CAPITAL
Jovem sai para comprar narguilé e morre após colidir moto contra poste