Menu
Busca sábado, 31 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Força-Tarefa desmantela mais uma quadrilha

13 dezembro 2004 - 16h26

Mais seis pessoas acusadas de fraudar o INSS foram presas, esta manhã, no Rio de Janeiro, pela equipe da Força-Tarefa Previdenciária, que é composta por técnicos da Assessoria de Pesquisas Estratégicas (APE) do Ministério da Previdência Social, por policiais federais, e por procuradores da República. A quadrilha atuava na Agência da Previdência Social (APS) de Irajá, no Rio, e era composta por servidores, advogados, e ex-funcionários do INSS. Os presos são acusados de conceder benefícios fraudulentos por meio de pagamentos em dinheiro. A Força-Tarefa ainda realizou busca e apreensão na APS de Irajá e nas residências dos envolvidos.As prisões dos servidores Edson Portella de Azevedo, Flávio Bruno, e Nilza Reis, e das intermediárias Edna Fonseca Afonso, Elizabeth Calmon Gomes Magalhães, e Lúcia Catarina Rodrigues Salles ocorreram durante a operação "Saia Justa", realizada na capital carioca.Nilza já foi chefe do setor de Benefícios da APS Irajá e, junto com os servidores Edson e Flávio, concedia benefícios fraudulentos. Edna, Lucia, e Elizabeth atuavam aliciando "clientes" que queriam se aposentar.Das irregularidades cometidas para a concessão dos benefícios estavam a inclusão de vínculos falsos, aumento do tempo de serviço, conversão indevida de tempo de serviço comum para especial, inclusão de vínculos empregatícios inexistentes, atribuição indevida de atividade em condições insalubres, e concessão de aposentadoria a quem não possui a idade mínima para a aposentadoria proporcional.Os acusados devem responder pelos crimes de formação de quadrilha, inserção de dados falsos no sistema de informações da Previdência Social, e estelionato. (

Deixe seu Comentário

Leia Também

Pessoas com 20 anos ou mais podem se vacinar em três unidades básicas de saúde
IMUNIZAÇÃO
Pessoas com 20 anos ou mais podem se vacinar em três unidades básicas de saúde
Traficantes abandonam caminhão com 696 quilos de maconha na BR-163
TRÁFICO
Traficantes abandonam caminhão com 696 quilos de maconha na BR-163
TEMPO
Sábado de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
PARAGUAI
Corpos de militares foram destroçados por bomba enterrada na estrada
CORONAVAC
Butantan pede autorização para vacinar público entre 3 e 17 anos
CAPITAL
Acusado de matar homem com tiro na cabeça presta depoimento
ENERGIA MAIS CARA
Conta de energia continuará com taxa extra mais elevada em agosto
COSTA RICA
Corpo de trabalhador rural é encontrado em barco no Rio Taquari
IMUNIZAÇÂO
Brasil chega aos 100 milhões de vacinados com 1ª dose
CAPITAL
Após confusão, policial penal que atirou é preso e PM liberado

Mais Lidas

ACIDENTE DOMÉSTICO
Após discussão com entregador jovem acaba ferido
PARAGUAI
Militares executados na fronteira eram sargentos da FTC
PONTA PORÃ
Bilhete ao lado de corpo esquartejado indica próximos "alvos" de criminosos
CLIMA
Dourados bate recorde de frio no ano com geada forte