Menu
Busca domingo, 13 de junho de 2021
(67) 99257-3397

FNCJ e PUC lançam pós-graduação em Comunicação e Justiça

05 maio 2006 - 14h37

Visto que Mídia e Justiça sempre tiveram relações complicadas, a PUC de Minas Gerais desenvolveu a especialização lato sensu "Comunicação e Justiça", já reconhecida pelo Ministério da Educação, que será ministrada à distância para jornalistas e profissionais do direito de todo o Brasil. O curso foi idealizado e desenvolvido por mais de 300 assessores de comunicação do Poder Judiciário e Ministério Público, filiados à ONG Fórum Nacional de Comunicação e Justiça (FNCJ), com o objetivo de atender os profissionais de comunicação que atuam com o tema Justiça, além de advogados, juízes de direito, promotores, procuradores e bacharéis em geral, com interesse na área da Comunicação.
A proposta é sanar dúvidas freqüentes dos profissionais da mídia na produção de matérias sobre decisões judiciais, projetos e responsabilidades dos diversos órgãos da Justiça. Será explicado em detalhes, por exemplo, o papel do Supremo Tribunal Federal, do Superior Tribunal de Justiça, das Justiças estaduais, das Justiças Eleitoral e do Trabalho, além de instituições que são essenciais para o funcionamento do Judiciário, como o Ministério Público, a polícia, a Defensoria Pública e, principalmente, o polêmico Conselho Nacional de Justiça, recém-criado. As disciplinas vão abordar também os recursos, prazos e procedimentos na área cível e criminal; o gerenciamento de crise na comunicação; a comunicação, Marketing e Assessoria de Imprensa em órgãos públicos; a administração pública e limites legais da liberdade de expressão e a Ética, Direito e a Opinião pública.
A pós-graduação irá focar ainda, os limites legais da liberdade de expressão, problema muito comum para os jornalistas que têm sido alvo constante de ações de indenização por dano moral. Estão sendo oferecidas somente 65  vagas e as inscrições podem ser feitas pelo endereço www.virtual.pucminas.br. O aluno deve ser graduado em comunicação ou em direito e vai precisar de uma estrutura mínima com computador e acesso à internet para assistir às aulas.
 Foram selecionados professores especialistas, mestres e doutores com experiência profissional nas áreas de Direito e Comunicação. Para o presidente do FNCJ, Celso Gomes, o curso visa diminuir a distância entre os jornalistas e os profissionais do direito, pois “o jornalista sempre teve medo de ser processado pelo juiz e este por sua vez tem medo de ser mal interpretado pelo jornalista, na edição da matéria”. Segundo o presidente, o Fórum sempre se preocupou em facilitar a linguagem dos dois lados profissionais, “tanto o juridiquês quanto o jornalistiquês”, tendo inclusive, o apoio no último congresso, realizado em Natal, da ministra e presidente do STF, Ellen Gracie.  Mais informações pelo e-mail: atendimento@virtual.pucminas.br ou pelo telefone (31) 3274-1862.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Historiadora traça paralelo entre a gripe espanhola e a pandemia de Covid-19 em evento do STF
BRASIL
Historiadora traça paralelo entre a gripe espanhola e a pandemia de Covid-19 em evento do STF
Covid-19: projeto oferece apoio psicológico online para superar o luto
BRASIL
Covid-19: projeto oferece apoio psicológico online para superar o luto
Olimpíada: Fernando Reis e Jaqueline Ferreira se classificam
ESPORTE
Olimpíada: Fernando Reis e Jaqueline Ferreira se classificam
Prova de vida pode ser feita sem sair de casa
BRASIL
Prova de vida pode ser feita sem sair de casa
Defron desarticula entreposto de cocaína no Campo Dourado
DOURADOS
Defron desarticula entreposto de cocaína no Campo Dourado
MS
Cargas de 164 m³ de carvão ilegal motivam multa de R$ 49,2 mil em empresa carvoeira
CONSCIENTIZAÇÃO
Cardiopatia congênita: diagnóstico precoce é essencial para tratamento
CAPITAL
Condutor de BMW que causou acidente vai a júri por vitimar motociclista
BRASIL
STF julga inconstitucional regra que veda créditos de PIS/Cofins na aquisição de recicláveis
MS
TRT define regime de teletrabalho a partir de segunda-feira

Mais Lidas

FLEXIBILIZAÇÃO
Decreto que libera atividades comerciais a partir de domingo é publicado
EMOCIONATE
VIDEO: Recuperada da Covid-19, douradense é recebida pela mãe em Rondônia
LOCKDOWN
Decreto flexibiliza atendimento via delivery no Dia dos Namorados em Dourados
LOCKDOWN
Fiscalização encontra funcionários dentro de filial das Casas Bahia em Dourados