Menu
Busca sexta, 29 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Fla e Bota fazem semifinal da Taça Guanabara hoje

17 fevereiro 2010 - 13h13

A semifinal da Taça Guanabara entre Flamengo e Botafogo é mais um capítulo de uma rivalidade regional que vem crescendo. As duas equipes decidiram as últimas três edições do Campeonato Carioca, sem contar as finais de turnos.

No entanto, o duelo que acontece nesta quarta-feira, no Maracanã, parece não fazer jus à expressão “mais do mesmo”. Novos ingredientes prometem tornar ainda mais atrativo o clássico que vale uma vaga na final do primeiro turno do Estadual, contra o Vasco. a partir das 20h50m (de MS).

Apesar de os dois times possuírem uma base que escreveu a história recente deste clássico, as atenções estarão voltadas para outros personagens que podem fazer a diferença na hora de garantir uma vaga para a final. Para começar a falar de todos os atrativos do clássico desta Quarta-feira de Cinzas, vale ressaltar que os dois treinadores terão a sua força máxima em campo. Sem desfalques, o duelo no banco de reservas fica a cargo de Joel Santana e Andrade.

O treinador do Botafogo enfrenta o Flamengo pela primeira vez desde que trocou, em 2008, a Gávea pela seleção da África do Sul, além de estar do lado oposto ao do seu auxiliar-técnico daquela época.

Dos últimos 30 jogos entre Flamengo e Botafogo, os números apontam uma disparidade que marcou a história do duelo. Foram 14 vitórias rubro-negras, 13 empates e apenas três vitórias alvinegras. Desde 2006 a rivalidade aumentou.

O Flamengo foi tricampeão carioca (2007/08/09) diante do rival desta quarta-feira, tendo os titulares Bruno, Leonardo Moura, Ronaldo Angelim, Juan e Toró. Pelo lado de General Severiano, Leandro Guerreiro, Lucio Flavio e Alessandro saíram derrotados.

Mas desta vez o foco não está neste grupo de jogadores. O Flamengo vem animado com a força do Império do Amor. Será o primeiro jogo decisivo de Vager Love pelo seu clube de coração. Isso sem falar que Adriano estará completando 28 anos e já disse que quer a vitória como presente de aniversário. Mesmo tendo perdido para o São Raimundo-PA, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil, o Botafogo vem confiante para o semifinal. Principalmente pelo forte poder de fogo aéreo dos estrangeiros El Loco Abreu e Herrera, arma reconhecida pelo adversário.

- Sabemos que um dos pontos fortes do Botafogo é a jogada aérea. É claro que isso preocupa. Um jogador de quase 2 metros de altura (El Loco tem 1,93) e que sai do chão mais 70 centímetros fica difícil marcar - admitiu o técnico Andrade.

Mas o próprio Abreu lembrou que o Botafogo não pode se restringir às bolas aéreas se quiser vencer o Flamengo e chegar à sonhada final.

- Há jogadores que não têm estatura alta, mas muita força nas pernas. Joguei contra o Álvaro na Espanha, e sei que ele sobe muito. O Botafogo não pode somente pensar em jogo aéreo. Temos outras qualidades que podemos aproveitar - disse o atacante uruguaio.

Semana rubro-negra teve ida e volta de Petkovic

O Flamengo classificou-se para a semifinal da Taça Guanabara por ter conseguido a melhor campanha do Grupo A. Até o momento, o time está invicto na competição e seu pior resultado foi o empate com o Olaria. Mas por traz do excelente poder de fogo ofensivo (o Flamengo foi o time que mais marcou gols: 21 ao todo), a defesa foi vazada em todos os jogos.

Por isso, Andrade priorizou os ajustes ao sistema defensivo durante os dez dias que teve desde o último jogo, contra o Boavista. De lá para cá, os jogadores só não tiveram folga no domingo, quando uma parte aproveitou para acompanhar o desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro na Marquês de Sapucaí. Apesar de a presidente Patrícia Amorim ter dito que se fosse atleta, não compareceria ao evento, os festejos foram minimizados na Gávea.

Para Andrade, o que importa é que ele terá o time completo para enfrentar o Botafogo. Mesmo com o retorno de Petkovic após seu afastamento por indisciplina pela diretoria, o técnico deve manter Vinícius Pacheco no time. Com isso, o sérvio é uma das opções para entrar durante o jogo. Vagner Love e Kleberson, que sentiram dores na coxa direita, estão garantidos.
Botafogo investe na superação e faz mistério

Com dois dias de treinos fechados, Joel Santana procurou preparar algumas novidades para surpreender o Flamengo. Uma delas pode ser a entrada do volante Somália, embora o mais provável seja a manutenção da equipe que perdeu o último compromisso pela Copa do Brasil. Dessa forma, a maior possibilidade é que a formação no 3-5-2 seja mantida, com Fahel formando o trio de zaga com Antônio Carlos e Fábio Ferreira.

Por ter profundo conhecimento do Flamengo, pelo qual foi campeão carioca pela última vez em 2008, exatamente em cima do Botafogo, Joel Santana sabe que o adversário da semifinal tem uma equipe com mais talentos individuais e com um esquema de jogo consolidado. Por isso, confia que o poder de superação terá de ser o diferencial de seu grupo.

- O Botafogo tem camisa, mas a torcida só vai confiar se jogarmos de igual para igual. Não dá para apenas se defender. Precisaremos de mais superação do que o Flamengo, pois eles se conhecem há muito tempo. Um errinho comum pode dar uma oportunidade ao adversário, e nesse momento se pode perder um campeonato - alertou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Governo defende reformas após a pandemia para recuperar o PIB
PANDEMIA
Comitê diz que Dourados não é epicentro do novo coronavírus e descarta lockdown
LUTO
Morre aos 63 anos o jornalista Gilberto Dimenstein em São Paulo
CLIMA
Mato Grosso do Sul em alerta para tempo seco e baixa umidade relativa do ar
CAMPO GRANDE
Homem condenado a 6 anos por roubo é preso
PANDEMIA
Com crescente número de coronavírus em MS, Dourados ultrapassa 230 casos
DOURADOS
Morte de idosa no HU é descartada para Covid-19
MARACAJU
Veículo com mais de 350 kg de maconha é apreendido seguindo para a Bahia
DOURADOS
Morador faz monitoramento aéreo e ajuda combater a dengue no bairro onde reside
DOURADOS
Prefeitura detalha ter empenhado R$ 5,1 milhões para despesas com o novo coronavírus

Mais Lidas

PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
TRÁFICO
Servidor da Sesai usava veículo oficial para trazer maconha do Paraguai
COVID-19
Curva segue ascendente e Dourados ultrapassa 200 casos de coronavírus
DOURADOS
Após brigar com a ex e decidir dormir na rua, homem é assaltado e agredido