Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
ECONOMIA

Fiesp estima que PIB deve recuar ainda mais até o fim do ano

29 maio 2015 - 19h15

A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) informou, por meio de nota, não ter sido surpreendida com o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro semestre, divulgado hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A entidade estimou que a economia do país deverá recuar ainda mais no segundo semestre, com o PIB devendo fechar o ano com uma redução de 2% e a indústria 5%.

“Os dados do IBGE confirmam o que nós já sabíamos. O primeiro trimestre foi ruim, mas o mais grave é que a situação não para de piorar. Os indicadores do segundo trimestre, tanto do IBGE quanto da Fiesp, mostram um agravamento da retração”, disse, em nota, o presidente da Fiesp e do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), Paulo Skaf.

Os dados das Contas Nacionais Trimestrais, divulgados esta manhã pelo IBGE, mostram que no primeiro trimestre deste ano o PIB, soma de todos os bens e serviços produzidos no país, registrou uma redução de 0,2% na comparação com o trimestre anterior (outubro, novembro e dezembro de 2014), quando a economia cresceu 0,3%. Nos três primeiros meses deste ano, o PIB ficou em R$ 1,4 trilhão.

Os dados mostram ainda que, quando comparado com o primeiro trimestre de 2014, o PIB do primeiro trimestre deste ano caiu 1,6%, a maior redução desde o segundo trimestre de 2009 (-2,3%). Segundo o IBGE, o produto interno bruto acumula queda de 0,9% em 12 meses.

“Nesse cenário de forte retração, o governo ainda defende o aumento da arrecadação sobre a indústria, ampliando em 150% a alíquota de contribuição previdenciária sobre o faturamento. A necessidade do ajuste fiscal é inquestionável, mas o governo tem que fazê-lo a partir do corte dos seus gastos, e não do aumento dos impostos para a sociedade”, destaca ainda a nota da Fiesp.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
PRF receberá terreno do Município para construir delegacia
BRASIL
Prova de vida de servidores aposentados é suspensa até 31 de outubro
MATO GROSSO DO SUL
Governo simplifica emissão de certidões negativas de débitos pela Sefaz e PGE
REGIÃO
Polícia apreende grande quantidade de produtos de descaminho em MS
ECONOMIA
Contas públicas podem ter déficit de R$ 871 bilhões este ano
DIA DAS CRIANÇAS
Procon Estadual pesquisa variação de preços dos brinquedos
REGIÃO
Homem ameaça trabalhador e acaba preso por perturbação
POLÍTICA
Governo federal anuncia criação do programa Renda Cidadã
TRÊS LAGOAS
Quatro são pegos com objetos que seriam trocados por drogas
MATO GROSSO DO SUL
Queimadas voltam a atingir Serra do Amolar no Pantanal

Mais Lidas

ATO DE FÉ
Após vigílias em frente a hospital, família celebra 'milagre' por homem que caiu do telhado
CAMPO GRANDE
Gêmeos são executados dentro de quitinete
POLÍCIA
Comerciante morre em acidente na MS-276
DEODÁPOLIS
Homem morre ao bater moto de frente com caminhonete da patroa