Menu
Busca segunda, 17 de maio de 2021
(67) 99257-3397

FFMS aposta em um campeonato com grandes confrontos

17 fevereiro 2011 - 10h54

Em Naviraí momentos antes do confronto entre o Naviraiense e Santo André, do Grande ABC paulista pela Copa do Brasil, o presidente da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul) Francisco Cezário de Oliveira,, durante encontro com a reportagem em um dos hotéis da cidade, diz que aposta em um campeonato rico em todos os sentidos e de grandes confrontos, principalmente entre as equipes do interior contra as da capital.
Otimista, Francisco Cezário aproveitou a oportunidade em que vários jornalistas do estado estavam presentes no aguardo do jogo e apresentou a bola “Kagiva” que foi definida como oficial do campeonato Sul-Mato-Grossense deste ano, que será realizado pela FFMS e com participação de 16 equipes.
DUELOS
O presidente disse que com a provável liberação do estádio Fredi Saldivar, o “Douradão”, em Dourados, não só a torcida do 7 de Dourados estará ganhando, mais sim, o próprio campeonato. “Com o Douradão liberado, a torcida voltará ao estádio, pois pelo que fiquei sabendo, o 7 de Dourados está nas mãos do competente Elói Kruger e todos são sabedores que ele monta bons times. Acredito que o 7 de Dourados vai fazer grandes duelos nesta competição, porém jogando em sua casa e não no terreiro dos outros, o que aconteceu no campeonato passado”, disse Francisco Cezário lembrando que mais uma vez este ano, será os clubes do interior indo em busca de títulos em cima dos da capital.
“Pelo que também já se sabe, não só o 7 de Dourados, mais o Itaporã, o Urso de Mundo Novo, o próprio Pontaporanense, sem esquecer o Naviraiense e o Ivinhema, o Corumbaense com a sua tradicional pegada, o Chapadão do Sul com sua garra e que sempre monta grandes planteis, enfim, todos os clubes do interior estão trabalhando em ritmo forte com o intuito de conquistar no mínimo a segunda colocação para então ser um dos representantes do MS na Copa do Brasil do ano que vem. Daí acreditar que além de grandes jogos, teremos um campeonato rico, já que os torcedores estarão voltando para os estádios” disse Francisco Cezário lembrando que o resgate do futebol profissional do MS está em fase final após uma luta de mais de dez anos. “Com certeza vamos fazer um campeonato neste ano que vai superar as edições anteriores”, disse.
Francisco Cezário com relação à parceria com a indústria “Kagiva” conta que a FFMS recebeu já mil e 200 bolas para os Estaduais da Série “B” e “A”.
PARCERIAS
O presidente diz que a cada uma das bolas que for comercializada no MS a FFMS vai receber cinco por cento do valor pago pelo consumidor.
Finalizando, Francisco Cezário lembra que através de incentivos fiscais a indústria “Kagiva” que tem sua séde em Marechal Cândido Rondon, no Paraná, estará se instalando na cidade de Vicentina e inicialmente vai gerar em torno de 500 a 550 empregos diretos.
Na apresentação da bola oficial do campeonato feita ontem em Naviraí todos os profissionais da imprensa que estavam no local foram contemplados com uma, e de acordo com Francisco Cezário disse que todas às equipes que estão nas duas séries do campeonato receberão algumas delas para se adaptarem, principalmente os goleiros.
Francisco Cezário diz que além desta parceria com a indústria de bolas, a FFMS foi presenteada pelo Governo do Estado através do governador André Puccinelli (PMDB) que através da Fundesporte autorizou o auxílio aos 16 clubes da Série “A” com alimentação, transporte e taxa de arbitragem. “Toda parceria é salutar para que possamos reerguer o nosso futebol profissional e conseqüentemente colocá-lo no lugar que jamais tinha de sair.
O governador entendeu as dificuldades da FFMS e dos clubes e ordenou que todos pudessem receber estes auxílios, e isso comprova que estamos no caminho certo, principalmente porque a imprensa em geral, salva algumas exceções estão dando o maior apoio, divulgando em suas cidades as atividades de preparação de suas equipes. Quem ganha com isso com certeza são os clubes, os torcedores. Quem ganha com isso com certeza é o futebol profissional”, concluiu ele.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados tem 35 pacientes com Covid-19 na espera por vaga pública de UTI
OCUPAÇÃO MÁXIMA
Dourados tem 35 pacientes com Covid-19 na espera por vaga pública de UTI
ECONOMIA
Abono salarial do PIS-PASEP de até R$ 1,1 mil tem calendário unificado
EDUCAÇÃO
Projeto 'Astrominas' oferece vagas para meninas adolescentes em atividades online de ciências
EMPREGO
Processo seletivo da Prefeitura de Maracaju terá salários de até R$ 8,5 mil
EDUCAÇÃO
Prazo para pedir isenção de taxa do Enem começa nesta segunda-feira
POLÍCIA
Foragido da Justiça é preso após agredir namorada adolescente
POLÍCIA
Mulher encontra seus três cachorros envenenados e suspeita de vingança do ex
ESPORTE
Grêmio vence Inter de virada e larga em vantagem na final do Gauchão
ESPORTES
Palmeiras domina o Corinthians, vence em Itaquera e vai à final do Paulistão
POLÍCIA
Homens são flagrados carneando vaca furtada e um deles tenta agredir policial a facada

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Após discussão, jovem bate veículo em poste e namorada que estava no capô morre
POLÍCIA
'Apaixonado', rapaz furta objetos na PED para ser preso e reencontrar marido
FEMINICÍDIO
Mulher baleada na cabeça pelo ex-marido morre no hospital
REGIÃO
Mulher mata o marido a facadas após discussão em MS