Menu
Busca sexta, 14 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Ferroviários firmam acordo no TST e terão reajuste de 9%

11 dezembro 2003 - 18h22

A Rede Ferroviária Federal e os Sindicatos dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias de Bauru, Mato Grosso do Sul  e Mato Grosso, da Zona Central do Brasil, de Tubarão e da Bahia e Sergipe, firmaram acordo hoje, em audiência realizada no Tribunal Superior do Trabalho, conduzida pelo Ministro Vantuil Abdala.Os ferroviários receberão 9% de reajuste, retroativos a maio de 2003 (data-base da categoria), e um aumento de 20% no valor do tíquete alimentação, também retroativo a maio, sendo que  os valores atrasados serão pagos de forma parcelada  (seis parcelas) a partir de janeiro de 2004. Todas as cláusulas sociais e as vantagens econômicas foram mantidas. Os efeitos desta decisão alcançarão os 22 empregados da RFFSA lotados no Escritório Regional de Bauru, e o reajuste de 9% será estendido aos 5.825 aposentados e pensionistas, vinculados a antiga NOB,  beneficiários das leis 8.186/91 e 10.478/2002, que estabelece a paridade entre ativos e aposentados.A Rede Ferroviária também reconheceu uma dívida de R$ 49.197.432,00 com os 96.227 aposentados e pensionistas, referente ao não pagamento do abono plansfer durante o ano de 1992. O Ministério dos Transportes já foi comunicado da dívida, devendo nos próximos noventa dias oferecer uma posição sobre o pagamento da mesma. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COMITIVA
Temer se encontra primeiro-ministro interino do Líbano
COTAÇÃO
Dólar sobe e fecha acima de R$ 5,40 nesta sexta
SAÚDE
Leishmaniose fez três vítimas fatais e infectou 44 pessoas em MS neste ano
BOCAIÚVA
Operação mobiliza mais de 30 policiais contra o tráfico de papagaios em MS
EUROPA
Flamengo confirma saída de lateral Rafinha
DOURADOS
Jovens são detidos por algazarra em praça pública durante a madrugada
SAÚDE & BEM - ESTAR
A importância de manter seu plano de saúde neste momento
BANDEIRA LARANJA
Dourados segue com grau de risco médio em mapa estadual da Covid
TRÁFICO
Polícia apreende 1,5t de maconha durante ações nas BR's de MS
PANDEMIA
Mais de 60% dos municípios de MS declararam situação de calamidade pública

Mais Lidas

DOURADOS
Preso no Ipê Roxo era investigado desde fevereiro por estupro do sobrinho
VIDA NOTURNA
“Estão passando fome”: profissionais do sexo sofrem com a pandemia em Dourados
DOURADOS
Com gritos de "pega ladrão", grupo é flagrado furtando carro no Jardim Paulista
DOURADOS
Decreto deve autorizar volta de cursos profissionalizantes e atividades práticas de universidades