Menu
Busca sexta, 30 de julho de 2021
(67) 99257-3397

Família indígena é assassinada em Capitan Bado

22 novembro 2004 - 13h11

Uma família indígena foi assassinada na região de Capitan Bado, cidade paraguaia que faz fronteira com Coronel Sapucaia, em Mato Grosso do Sul. Segundo a Polícia Nacional Paraguaia, Lorenzo Anício Cabrera, de 34 anos, foi morto a tiros. A esposa dele e os três filhos de nove, seis e um ano e meio, foram mortos com golpes de punhal. O acusado de cometer o crime, é o índio Andres Gomes Gaona, que está foragido.Testemunhas disseram à polícia, que Gaona havia prometido matar Lorenzo. As vítimas foram mortas quando deixavam o local onde trabalhavam. O caso, que ocorreu neste fim de semana, está sendo investigado pelo Ministério Público do Paraguai. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corpo de homem sequestrado em Ponta Porã é encontrado esquartejado
FRONTEIRA
Corpo de homem sequestrado em Ponta Porã é encontrado esquartejado
BRASIL
Após reação do STF, Bolsonaro defende ações do governo na pandemia
Tatuagem ajudou identificar vítima fatal de acidente entre carro e carreta
ÁGUA CLARA
Tatuagem ajudou identificar vítima fatal de acidente entre carro e carreta
EMPREGO
Governo convoca candidatos aprovados em quatro processos seletivos
Veículo é apreendido na BR-158 com 300 celulares e outros contrabandos
APARECIDA DO TABOADO
Veículo é apreendido na BR-158 com 300 celulares e outros contrabandos
MÚSICO PRESO
Gilmar Mendes rejeita liberdade para DJ Ivis, indiciado por agredir a ex
Oito pessoas da mesma família são presas em operação contra o PCC
ASTRONOMIA
Chuvas de meteoros podem ser avistadas nas próximas madrugadas
AQUIDAUANA
Caçadores são presos e multados por caça e abate de porcos silvestres 
ELEIÇÕES
Discurso de fraude é de quem não aceita a democracia, diz ministro do STF

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente no Centro deixa motociclista com fratura na perna e motorista foge
DOURADOS
Drogas e submetralhadora são apreendidos no Idelfonso Pedroso
FRONTEIRA
Casal é executado por "justiceiros" enquanto comemorava aniversário
DOURADOS
Justiça converte em preventiva prisão de jovem que matou adolescente atropelado