Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
(67) 9860-3221

F-1 muda regra sobre motores para evitar abandono de prova

16 março 2005 - 11h47

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) divulgou nesta quarta-feira uma alteração na nova regra que obriga os pilotos da F-1 a utilizar apenas um motor para cada duas corridas, já que manobras para burlar o regulamento foram registradas no GP da Austrália.O artigo 85 do regulamento prevê que "todo piloto que não tiver conseguido terminar a corrida durante o primeiro de dois eventos poderá utilizar na segunda corrida um motor diferente sem ser penalizado"."Em conseqüência do que aconteceu nas últimas voltas da corrida de Melbourne, será procedida uma diferenciação entre "não conseguir terminar" e "escolher não terminar". O primeiro caso é totalmente acidental ou incontrolável pelo piloto, enquanto o segundo caso não é", afirma uma nota da FIA.Nos casos litigiosos, a escuderia do piloto terá que explicar as razões de seu abandono aos comissários esportivos da prova.Durante o GP da Austrália, primeira etapa da temporada, disputado no dia 6 de março, os dois pilotos da BAR, Takuma Sato e Jenson Button, abandonaram a prova nas últimas duas voltas, quando era evidente que já não tinham nenhuma possibilidade de pontuar.A polêmica decisão permitiria que os dois pilotos largassem no GP da Malásia, de domingo, com um motor novo, ao contrário da maioria dos adversários. A FIA, no entanto, não especificou se a alteração diz respeito às futuras provas ou também às já disputadas.De resto, a regra segue sem alteração: se um piloto se vê obrigado a mudar de motor antes de uma corrida, retrocede dez posições no grid de largada. Além disso, o novo motor deverá ser utilizado até o final do GP seguinte.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Combate à pandemia mobiliza voluntários em diversas frentes
COVID-19
Barreiras sanitárias abordaram 13,6 mil pessoas em MS
MUNDO
Papa inicia Semana Santa com celebração sem presença de fiéis
COVID-19
Gerente técnico de medicamentos da Vigilância Sanitária alerta sobre riscos da automedicação
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior
DOURADOS
Mais de mil servidores com salários acima de R$ 4,5 mil receberão na segunda
MS
Procuradoria-Geral do Estado mantém seção especial sobre o Covid-19 no site
STJ
Negado pedido de habeas corpus coletivo para todos os presos em grupos de risco do coronavírus
BRASIL
Ministério da Saúde alerta que não pede doação de dinheiro
ESTADO
Detran-MS explica sobre emplacamento em tempo de Coronavírus

Mais Lidas

CORONAVÍRUS
Dourados registra mais dois casos de Covid-19 e MS tem 60 confirmações
ISOLAMENTO
Em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo
CORONAVÍRUS
Durante fiscalização, Guarda prende nove pessoas e notifica 60 comércios em Dourados
SUMIÇO
Família procura por jovem que está desaparecida desde a última quarta-feira