Menu
Busca terça, 13 de abril de 2021
(67) 99257-3397

Exportações de MS aumentaram 29,66% em 2003

27 janeiro 2004 - 11h16

O volume de exportações de Mato Grosso do Sul no ano passado teve um incremento de 29,66% em relação a 2002, conforme mostra relatório divulgado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Saltou de US$ 384,159 milhões para US$ 498,108 milhões. Também cresceram as importações, mas com índice menor, resultando em um saldo positivo da balança comercial de US$ 5,24 milhões no período. Em 2002 o Estado importou US$ 424,023 milhões e no ano passado, US$ 492,868, o que representa crescimento de 16,23%. O relatório reafirma o perfil da economia sul-mato-grossense, de grande exportadora de matéria prima e importadora de produtos industrializados. Mas demonstra uma ligeira tendência de mudança. Em 2002, 77,17% de tudo que Mato Grosso do Sul exportou eram produtos básicos, como grãos e boi em pé. No ano passado esse índice caiu para 74,12%. Em contrapartida, a participação dos produtos industrializados nas exportações subiu de 22,82% para 25,87%. Em números absolutos o impacto é maior: em 2002 o Estado exportou US$ 87,682 milhões em produtos industrializados e no ano passado, US$ 128,875 milhões. O crescimento das exportações nesse segmento foi de 46,97%, com destaques para o óleo de soja (bruto ou refinado), carne desossada e açúcar. Esses produtos representaram 18,85% das exportações sul-mato-grossenses em 2003. Foram vendidas 22,49 mil toneladas de carne desossada, 59,819 mil toneladas de óleo de soja e 41,037 mil toneladas de açúcar. Mas o carro-chefe da economia sul-mato-grossense ainda são os produtos agropecuários básicos. Juntos, eles representaram mais de 45% das exportações. Encabeça a lista o bagaço para extração de óleo (483,062 mil toneladas), seguido da soja em grãos (233,829 mil toneladas), carne de frango (42,695 mil toneladas) e carne suína (28,573 mil toneladas). Por outro lado, o que mais pesou na balança comercial do Estado no ano passado foi a importação de combustíveis, que representou 70,56% de tudo o que foi adquirido de fora. O gás natural engloba quase o total desse item. Curiosamente, em segundo lugar na lista de maiores importações aparece a carne desossada de bovinos, fresca ou refrigerada, que também figura entre os produtos mais exportados. O relatório mostra que o Estado comprou 23,532 mil toneladas de carne no ano passado, enquanto em 2002 foram 5,333 mil toneladas.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Ladrões fingem fazer revisão em cerca elétrica e assaltam casal de idosos
BRASIL
Senado aprova prorrogação da situação de emergência de saúde no país
Máquina agrícola atinge caminhonete, carro e só para após tombar
GLÓRIA DE DOURADOS
Máquina agrícola atinge caminhonete, carro e só para após tombar
TRÂNSITO
Nova Lei proíbe o transporte de menores de 10 anos em motocicletas
Celular "bombando" entrega traficante, que é preso com cocaína
VACINA
Ministério da Saúde divulga lista, por estado, de quem não tomou segunda dose
MEIO AMBIENTE
Dono de chácara é multado em R$ 5 mil por construir tanques de piscicultura
COXIM
MP denuncia ex-prefeito, ex-secretários e empresários por associação criminosa
CAPITAL
Após espancar, homem ameaça colocar fogo em casa com a ex dentro
BRASIL
Câmara aprova projeto que prorroga entrega do IR até 31 de julho

Mais Lidas

ITAPORÃ
Jovem morta com tiros de escopeta tinha passagem por tráfico de drogas
IZIDRO PEDROSO
Estado doará terrenos e busca parceria para construir casas populares em Dourados
DOURADOS
Homem foi baleado com cinco tiros no Parque do Lago II
DOURADOS
Homem sofre tentativa de homicídio na região do Parque do Lago II