Menu
Busca terça, 26 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Exportações agrícolas batem recorde em dezembro

08 janeiro 2010 - 15h20

As exportações do agronegócio brasileiro atingiram 4,981 bilhões de dólares em dezembro, uma alta de 4,4% em relação ao mesmo período de 2008 e o melhor resultado para o mês, anunciou nesta sexta-feira o Ministério da Agricultura.

O setor de carnes liderou as vendas externas em dezembro, com exportações de US$ 1,072 bilhão, aumento de 22,8%, em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Para a carne de frango in natura, houve crescimento de 28,5% no valor exportado e de 19,4% na quantidade exportada.

As exportações de carne suína in natura apresentaram incremento de 34,2% na quantidade embarcada e de 21,6% no valor exportado. Já a carne bovina teve alta de 26,8% na quantidade embarcada, com aumento do valor exportado de 32,2%.

Queda em 2009 - As exportações do agronegócio brasileiro caíram 9,8% em 2009 em relação ao ano anterior, atingindo 64,7 bilhões de dólares, segundo o comunicado do ministério.

O recuo no ano passado deu-se com a retração dos preços em meio à crise financeira mundial, já que o volume de exportações se manteve praticamente estável ante 2008, com queda de 0,4%.

Para 2010, o ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, previu um crescimento nas exportações em volumes, evitando fazer estimativas sobre preços.

"Acredito que uma projeção de 5% para este ano é bastante plausível", declarou o ministro a jornalistas, ao divulgar detalhes da balança comercial do setor no ano passado.

Em 2009, as importações de produtos agropecuários caíram 16,9%, passando de US$ 11,8 bilhões em 2008 para US$ 9,8 bilhões, deixando o superávit da balança do agronegócio em US$ 54,9 bilhões.

Segundo o ministério, a diminuição das exportações agropecuárias foi menor que a dos demais produtos exportados pelo Brasil, que apresentaram queda de 30%. A participação do agronegócio nas exportações totais brasileiras aumentou de 36,3% em 2008 para 42,5% em 2009.

O complexo soja manteve a liderança do ranking de setores exportadores do agronegócio, representando 26% das exportações em 2009, seguido pelas carnes, com 18%, e do complexo sucroalcooleiro, com 15%.

Entretanto, o complexo soja apresentou no ano redução de 4,1% do valor exportado (de US$ 17,98 bilhões para US$ 17,24 bilhões), "resultado da variação negativa dos preços com variação positiva na quantidade exportada".

O volume exportado de soja em grãos foi 16,6% maior, passando de 24,5 milhões de toneladas para um recorde de 28,5 milhões de toneladas.

No ano passado, a Ásia assumiu a posição de principal mercado de destino das exportações do setor. Após um aumento de 16,7%, os asiáticos respondem por 30,4% das exportações totais do Brasil.

A União Europeia, cuja participação diminuiu de 33,1% para 29,3%, foi deslocada para a posição de segundo mercado de destino. As exportações para o bloco apresentaram redução de 20,2%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

IPEA
Setor agropecuário pode crescer até 2,5% apesar da Covid-19
MEDICAMENTOS
Mato Grosso do Sul é destaque no Senado por ação humanitária no Amapá
ECONOMIA
Brasil vai exportar carne bovina para a Tailândia
ORDEM DO DIA
Atendimento educacional a aluno internado segue para sanção
FLAGRANTE
Quase meio milhão de maços de cigarros contrabandeados são apreendidos em MS
COVID-19
Dourados tem 36 pacientes recuperados e 136 em isolamento domiciliar
RIO DE JANEIRO
Operação Placebo aprofunda investigações sobre corrupção na saúde
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher
FIM DA ROTA
Investigação iniciada em Minas resultou em operação que prendeu 17 em MS
INFORME PUBLICITÁRIO
Sopa? Sim, Paraguaia! Saiba a história dessa iguaria tão amada pelos sul-mato-grossenses que faz parte do cardápio da Casa de Vó

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dois meses após decreto de emergência, Dourados confirmou 127 casos de Covid-19
PANDEMIA
Número de pacientes internados por coronavírus em Dourados sobe 50% em 24h