segunda, 17 de janeiro de 2022
Dourados
37°max
26°min
Campo Grande
34°max
23°min
Três Lagoas
38°max
26°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397

Estatais ameaçam greve no primeiro ano do governo Lula

11 outubro 2003 - 14h23

Os funcionários do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Petrobras ameaçam deflagrar uma greve conjunta no primeiro ano do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, o primeiro ex-metalúrgico e ex-sindicalista a presidir o país.Numa ação inédita, os sindicatos de representação dos bancários e petroleiros decidiram se unir para pressionar o governo a repor as perdas salariais acumuladas no governo de Fernando Henrique Cardoso. Para a CUT (Central Única dos Trabalhadores), o impasse nas negociações pode levar a uma greve "forte e unificada em todo o país"."Por que chegar a esse ponto em empresas que deveriam ser as primeiras a dar exemplo de responsabilidade social para com seus trabalhadores? Esperamos que as direções do Banco do Brasil e da Petrobras revejam sua posição e façam propostas salariais que contemplem as expectativas dos seus empregados", diz nota divulgada pela maior central sindical do país. Apesar de pertencerem a categorias profissionais distintas, bancários e petroleiros enfrentam dificuldades para arrancar reajustes das principais estatais federais. A Folha Online apurou que os sindicatos dos funcionários das estatais esperavam que uma negociação salarial mais tranquila no governo Lula. Muitos dos atuais diretores do BB, Caixa e Petrobras saíram do movimento sindical. Parte deles integrava até o ano passado a direção dos sindicatos de representação dos trabalhadores.No entanto, o BB se recusa a pagar o reajuste de 12,6% negociado pela Fenaban (Federação Nacional dos Bancos). A instituição se compromete a pagar esse índice somente para 11 mil --dos 79 mil funcionários-- que ganham o piso de R$ 798.A negociação dos funcionários da Caixa ainda não acabou. Na próxima segunda, a comissão de funcionários da instituição avalia a proposta de reajuste de 12,6% sobre o salário base e a gratificação de função dos 55 mil funcionários.Já a Petrobras ofereceu 10,7% de reajuste, índice inferior ao aumento de 22,3% reivindicado pelos 35 mil petroleiros.Sem sinais de acordo, os bancários do BB e da Caixa já marcaram assembléias com indicativo de greve para segunda-feira. A idéia é decretar greve geral a partir de terça-feira.Os petroleiros --que realizam assembléias de segunda a sexta-feira--, ameaçam entrar em greve já a partir da próximo segunda. Antes disso, a categoria deve realizar protestos e atrasos em conjunto com o calendário de mobilização dos funcionários do BB e Caixa.Outro ladoA Petrobras não se pronunciou sobre o assunto. Segundo a estatal, os petroleiros ainda não comunicaram oficialmente a rejeição da proposta de reajuste.Caixa não comentou o assunto. Já o BB informou que a maioria das reivindicações da categoria é atendida pela proposta da instituição, que oferece 6% de reajuste sobre o salário base de quem ganha acima do piso e nenhum aumento sobre o comissionamento do funcionário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Com som alto e bebidas, PM atende ocorrências de pertubação em Ponta Porã
FINAL DE SEMANA

Com som alto e bebidas, PM atende ocorrências de pertubação em Ponta Porã

Manual do Governo quer reduzir atropelamento de animais silvestres nas rodovias
MEIO AMBIENTE

Manual do Governo quer reduzir atropelamento de animais silvestres nas rodovias

Vacinação em crianças deve começar nessa semana em UBS's de Dourados
5 A 11 ANOS

Vacinação em crianças deve começar nessa semana em UBS's de Dourados

Médica morre e duas pessoas ficam feridas em acidente na MS-164
TRAGÉDIA

Médica morre e duas pessoas ficam feridas em acidente na MS-164

Inflação medida pelo IGP-10 sobe 1,79% em janeiro, aponta FGV
ALUGUEL

Inflação medida pelo IGP-10 sobe 1,79% em janeiro, aponta FGV

DOENÇAS RESPIRATÓRIAS

Influenza está quase cinco vezes mais letal que a Covid-19 em MS

MS

Fundação de Cultura oferece oficina gratuita para esclarecimentos sobre o edital do FIC 2021

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Homem é preso por agredir e ameaçar matar esposa com um rifle

VISTA ALEGRE

Carga com 900 pacotes de cigarros avaliada em R$ 73 mil é apreendida

GRIPE

Influenza H3N2 mata mais quatro sul-mato-grossenses

Mais Lidas

REGIÃO

Carro pega fogo e motorista morre em colisão entre Dourados e Fátima do Sul

DOURADOS

Confusão próxima à região conhecida como 'cracolândia' deixa homem ferido

TRAGÉDIA

Motorista carbonizado em acidente na BR-376 morava em Dourados

DOURADOS

Detento é levado para a UPA após 'surtar' e bater cabeça várias vezes em grades de cela