Menu
Busca quinta, 25 de fevereiro de 2021
(67) 99257-3397

Estado vende 35 imóveis e arrecada mais de 400 mil

09 agosto 2009 - 10h17

A realização do primeiro leilão para alienação de bens imóveis de propriedade do Estado de Mato Grosso do Sul rendeu ao governo um total de R$ 406.104,00. Dos 59 lotes distribuídos em nove cidades sul-mato-grossenses, 35 foram vendidos. Segundo a Secretaria de Administração (SAD), os 24 imóveis não arrematados serão colocados à venda no segundo leilão previsto, para ocorrer até outubro deste ano.

Os 59 imóveis de propriedade do Estado estão localizados em nove municípios pólos do Estado: Ponta Porã (34 imóveis); Campo Grande (quatro imóveis); Alcinópolis (dois imóveis); Maracaju e Amambai, com um imóvel cada; Dourados (cinco imóveis); Paranaíba (cinco imóveis); Três Lagoas (três imóveis) e Corumbá (quatro imóveis). Todos os lotes são de terrenos. Os imóveis estão avaliados em R$ 615.778,05.

O primeiro leilão ocorreu em Campo Grande no dia 14 de julho, ocasião em que foram vendidos os seguintes lotes: lote 02 (de Alcinópolis) e os lotes 04 e 06 (de Campo Grande). Os lotes 01 (Alcinópolis) e 05 e 07 (de Campo Grande), não foram vendidos. Já o leilão realizado no dia 17, em Ponta Porã, dos 41 imóveis colocados à venda, 21 foram vendidos. Os 18 lotes não vendidos em Ponta Porã são: lote 03 (de Amambaí); lotes 12, 13, 15 e 16 (de Dourados); e os lotes 25, 33, 34, 35, 36, 37, 38, 39, 40, 46, 51, 52 e 54 (de Ponta Porã). No dia 23, o evento ocorreu na cidade de Três Lagoas. No local todos os imóveis foram vendidos. Totalizando oito imóveis – sendo um imóvel localizado em Paranaíba (lotes 18 a 22), e três imóveis de Três Lagoas (lotes 57 a 59).

Corumbá

O último leilão foi realizado na quinta-feira (30), na cidade de Corumbá, onde foram colocados à venda quatro imóveis, todos localizados no município. Somente o lote 11 foi arrematado no local, pelo valor de R$ 7,4 mil. Porém, os lotes de número 08, 09 e 10, não foram vendidos. Esses ficaram para ser leiloados no próximo evento, previsto para acontecer até o mês de outubro deste ano, pela Secretaria de Estado de Administração (SAD).

O diretor-geral de Administração da SAD, Luiz Carlos Mandu da Silva, informou que o Estado possui cerca de 260 imóveis em situação de execução fiscal, por conta do não pagamento de tributos e outros agravantes. “Estamos fazendo um levantamento dos imóveis de propriedade do Estado, localizados em outros municípios, para realizarmos o segundo leilão até outubro. A venda dos imóveis deste primeiro leilão foi além de nossas expectativas” disse Mandu. Segundo ele, o valor arrecadado com a venda dos imóveis será destinado para ações de segurança pública e programas sociais do governo do Estado.

Edital

O Edital do I leilão de bens imóveis do governo encontra-se a disposição dos interessados na Superintendência de Licitação, situado no Parque dos Poderes, Bloco I pavimento superior, da Secretaria Estadual de Administração, em Campo Grande, mediante o recolhimento de taxa para ressarcimento de despesa com reprodução do edital, ou gratuitamente pelo site: www.casadeleiloes.com.br

Mais informações, na Casa de Leilões, através do fone: (67) 3363-7000

Deixe seu Comentário

Leia Também

Disponível programa para declaração do Imposto de Renda 2021
ECONOMIA
Disponível programa para declaração do Imposto de Renda 2021
Cobra coral é encontrada dentro de residência na Capital
SUSTO
Cobra coral é encontrada dentro de residência na Capital
Dourados e outras cidades tem alerta de chuvas intensas
TEMPO
Dourados e outras cidades tem alerta de chuvas intensas
Aeroporto fechará de maio a outubro para reforma e ampliação da pista
DOURADOS 
Aeroporto fechará de maio a outubro para reforma e ampliação da pista
ECONOMIA
Dólar sobe e fecha acima de R$ 5,50
POLÍTICA
Caixa mais que dobrou a concessão de crédito imobiliário em 2020
NOVA ANDRADINA
Condenado, homem alvo de operação em 2013 é preso em MS
LUTO
José Becker, pai do goleiro Alisson, morre afogado em barragem do RS
SAÚDE
SES destinará R$ 4,6 milhões para cirurgias eletivas no MS
EDUCAÇÃO
Rede Estadual terá 'acolhimento' em março e aulas híbridas a partir de abril

Mais Lidas

REGIÃO
Homem é preso após estuprar menina de 11 anos
POLÍCIA
Identificada vítima fatal de acidente entre carretas
DOURADOS
Câmara aprova projeto do Executivo para elevar remuneração de secretários municipais
BELEZA
Representante de Dourados está na final do Miss Brasil Teen