Menu
Busca terça, 19 de janeiro de 2021
(67) 99257-3397
MUNDO

Olimpíadas de Tóquio vão custar quase R$ 10 bilhões a mais por causa da pandemia

29 novembro 2020 - 19h07Por Gizele Almeida

Os organizadores das Olimpíadas de Tóquio estimam um acréscimo no orçamento de US$ 1,9 bilhão, cerca de R$ 9 bilhões e 808 mil (em cotação deste domingo, 29/11), por causa do adiamento dos Jogos em função da pandemia de Covid-19, segundo o jornal japonês Yomiuri. E isso sequer inclui os gastos com medidas contra a disseminação do coronavírus, e sim outras providências, como o pagamento aos funcionários, a manutenção de arenas e a criação de novos sistemas para reembolso de passagens. O evento, orçado inicialmente em US$ 12,6 bilhões (R$ 65 bilhões), passou portanto a custar US$ 14,5 bilhões, ou cerca de R$ 75 bilhões.

Apesar de alto, o valor é inferior ao estimado inicialmente, de US$ 2,7 bilhões, cerca de R$ 14 bilhões na cotação atual, como foi informado pelo jornal japonês especializado em economia Nikkei em março, ainda no início da pandemia. Segundo as novas informações, esse número foi reduzido simplificando alguns eventos.

Os organizadores dos Jogos tiveram ainda que renegociar inúmeros contratos. No orçamento original, o dinheiro do setor privado representou US$ 5,6 bilhões (R$ 29 bilhões), e o resto é dinheiro público. Tóquio gastou pelo menos US$ 7 bilhões (R$ 36 bilhões) com arenas permanentes e temporárias (85% disso é dinheiro público). A mais cara foi o novo estádio nacional, um projeto que chegou ao custo de US$ 1,43 bilhão (R$ 7,3 bilhões). O COI, que fica na Suíça, contribuiu com US$ 1,3 bilhão (R$ 6,7 bilhões).

O comitê organizador decidirá sobre a divisão do orçamento adicional em dezembro, após discussões com o governo metropolitano de Tóquio e o governo central, disse o jornal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPORTES
São Paulo acerta retorno de artilheira do último Brasileirão Feminino
PESQUISA
Cientista brasileira mulher e negra faz descoberta de método de combate a alopecia
IMUNIZAÇÃO
Hospital Cassems de Campo Grande recebe vacina da Covid-19 nesta quarta
Fazendeiro é multado R$ 6,6 mil por desmatar vegetação nativa
CRIME AMBIENTAL
Fazendeiro é multado R$ 6,6 mil por desmatar vegetação nativa
REGIÃO
Sanesul dá ordem de serviço para obras de Rio Brilhante
BRASIL
Incidência de pedras nos rins aumenta 30% no verão, alertam médicos
TEMPO
Chuva em Dourados já supera o estimado para todo o mês
MATO GROSSO DO SUL
Primeiros imunizados contra Covid-19 relatam emoção e encorajam população
JUSTIÇA
MPT divulga nota técnica sobre medidas de proteção a trabalhadoras gestantes
DOURADOS
Roberto Russi presidente do capítulo 212 da Adonep morre por Covid-19

Mais Lidas

DOURADOS
Morto por descarga elétrica pode ter tentado consertar portão
ACIDENTE
Homem morre após sofrer descarga elétrica em Dourados
DOURADOS
Comitê alerta para crescente da Covid e prefeito expede decreto com novas regras
DOURADOS
Em ação conjunta, polícia deflagra operação para investigar crimes