Menu
Busca quinta, 02 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Na súmula, árbitro diz que Neymar iniciou confusão

18 fevereiro 2013 - 16h39

O árbitro Luiz Flávio de Oliveira, que apitou o jogo entre Ponte Preta e Santos, no último domingo, em Campinas, relatou agressões do atacante Neymar, do Peixe, e do lateral-direito Artur, da Macaca. Ambos foram expulsos. O relatório pode complicar a situação dos dois jogadores, que, a princípio, cumprem suspensão automática pelo vermelho, mas correm risco de serem julgados por agressão.

Segundo Luiz Flávio, foi Neymar quem começou a confusão, acertando um chute entre as pernas de Artur, que reagiu.

"Expulsei aos 47 minutos de jogo (...) o jogador Neymar por haver, após a marcação de uma falta contra sua equipe, desferido um chute entre as pernas de seu adversário (Artur). Cumpre-me informar que, após ser segurado pelo rosto, (Neymar) desfere dois tapas no braço do adversário".

Sobre Artur, o juiz escreveu o seguinte:

"Expulsei o jogador Artur por haver, depois de ser atingido com um chute entre as pernas, segurado acintosamente o rosto do adversári".

O caso será analisado pela procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Idoso de 60 anos pode ser a primeira morte por coronavírus em Três Lagoas
INFORMAIS
Lei que cria auxílio de R$ 600 é publicada no 'Diário Oficial da União'
SIDROLÂNDIA
Bandidos invadem escola, furtam botijões de gás e alimentos
IMUNIZAÇÃO
Caminhoneiros serão incluídos na campanha de vacinação contra gripe
JUSTIÇA
Pedido de exoneração feita por servidor incapaz é considerado nulo
CONVOCAÇÃO
Governo fará cadastro não obrigatório de profissionais de saúde para o SUS
CAMPO GRANDE
Justiça mantém prisão de suspeito de furtar várias vezes mesmo atacadista
BANCO DO BRASIL
Servidores estaduais podem renovar empréstimos consignados com carência
PROCURADO
Identificado chefe de quadrilha que cavou túnel para roubar banco na Capital
LEÃO
Mais de 9,1 milhões de contribuintes entregaram declaração do IR

Mais Lidas

REGIÃO
Ex-assessor de Mandetta é encontrado morto em apartamento na Capital
COVID-19
Primeiro óbito por coronavírus do Estado é registrado em Dourados
NOVA ANDRADINA
Hospital confirma três profissionais com coronavírus em unidade que atendeu idosa
BOLETIM DA SES
Dourados registra mais um caso de coronavírus e MS tem 51 confirmações