Menu
Busca segunda, 06 de julho de 2020
(67) 99659-5905
ESPORTE

MS traz medalha da final nacional da Superliga de Vôlei Adaptado

26 dezembro 2019 - 14h20Por Da Redação

Ponta Porã conquistou a medalha de bronze na final nacional da Superliga de Vôlei Adaptado. O campeonato, promovido pela Confederação Brasileira de Voleibol Adaptado (CBVA), foi disputado no Ginásio Municipal Antônio Carlos Natalone, em São José do Rio Preto-SP, de 14 a 16 de dezembro.

De acordo com a organização, participaram aproximadamente 1,5 mil atletas, de 55 equipes, de cinco unidades federativas: São Paulo, Mato Grosso do Sul, Paraná, Espírito Santo e Minas Gerais. As partidas foram realizadas nas categorias +69, +59 e +47, nos gêneros masculino e feminino.

O terceiro lugar ponta-poranense foi obtido na categoria +47 masculino. São José do Rio Preto-SP ficou com a prata e Santos-SP encerrou a competição com a medalha dourada. Mato Grosso do Sul foi representado em todas as categorias, com o total de 21 equipes, de Três Lagoas, Ponta Porã, Maracaju, Campo Grande e Rochedo.

Feminino +69: Três Lagoas, Ponta Porã e Maracaju;

Feminino +59: Maracaju, Três Lagoas, Ponta Porã e Campo Grande;

Feminino +47: Três Lagoas, Rochedo, Maracaju, Ponta Porã e Campo Grande;

Masculino +69: Três Lagoas e Ponta Porã;

Masculino +59: Três Lagoas, Campo Grande, Maracaju e Ponta Porã;

Masculino +47: Ponta Porã, Três Lagoas e Campo Grande. 

Segundo o presidente da CBVA, Lucas Rodrigo Dimarco, a modalidade voltada a idosos cresce em termos de visibilidade e adesão de atletas nos últimos 15 anos. Apesar de ter começado com o objetivo de promover a inclusão, socialização, melhora da autoestima e das capacidades físicas, atualmente há significativa competitividade entre as equipes dos cincos Estados, sempre presentes em certames a nível nacional. 

Especificidades da modalidade

O vôlei adaptado é uma modalidade esportiva semelhante ao voleibol convencional, regido pelas regras oficiais, com alterações que o tornam mais apropriado aos atletas da melhor idade. Normalmente, a quadra possui as mesmas especificações e dimensões do voleibol oficial. A altura da rede para o gênero feminino é de 2,24 metros e para o masculino 2,43 metros. 

As principais modificações em relação ao vôlei tradicional são observadas no saque e recepção. No primeiro fundamento, a bola pode ser arremessada ou golpeada com uma das mãos por baixo ou lateralmente, desde que essa ação se dê abaixo da linha dos ombros. Na recepção, o jogador pode segurar a bola com uma ou duas mãos e, posteriormente, passá-la para que a equipe efetue os três toques antes do envio à quadra adversária. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Carro que atingiu ciclista pega fogo após bater em árvore ao lado de Avenida
TRAGÉDIA
Ciclista morre após ser atropelado por carro na Avenida Marcelino Pires
INFORMAÇÃO
Especialista recomenda prazo de adaptação à Lei de Proteção de Dados
PANDEMIA
Rio de Janeiro registra 10.667 mortes por coronavírus
CAMPO GRANDE
Moradores da Capital realizam ação solidária e arregacam 1t de alimentos
ESPORTES
Flamengo vence com tranquilidade e se aproxima do título estadual
DOURADOS
Acusado de matar secretário em Dourados acaba preso em barreira sanitária
LUTO
Martha Rocha, 1ª Miss Brasil, morre em Niterói, no Rio de Janeiro
PANDEMIA
Brasil chega a 1,6 milhão de casos confirmados de coronavírus
ECONOMIA
Pesquisa mostra potencial para a expansão do home office

Mais Lidas

POLÍCIA
Assassinado no Izidro é secretário de Agricultura Familiar de Dourados
DOURADOS
Ex-funcionário é o suspeito de matar secretário de Agricultura
DOURADOS
Antes do crime, homem que matou secretário havia sido demitido por não usar máscara
DOURADOS
“Um amigo, um conselheiro”, diz Délia após assassinato de secretário