Menu
Busca segunda, 01 de junho de 2020
(67) 99659-5905
DENÚNCIA

MP pede afastamento de Eurico Miranda da presidência do Vasco

14 setembro 2017 - 08h39

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro pediu o afastamento de Eurico Miranda da presidência do Vasco da Gama. Ele é acusado pelos promotores de acobertar torcidas organizadas que promovem a violência nos estádios. O telejornal Bom Dia Brasil da Rede Globo teve acesso, com exclusividade, à denúncia apresentada ao juizado do torcedor.

A ação do Ministério Público Estadual pede a destituição definitiva do presidente Eurico Miranda, dos vice-presidentes e da diretoria do Vasco da Gama, além de multa de R$ 500. O MPRJ baseou-se em relatórios do grupamento especial de estádios da PM,, sobre a confusão no fim do jogo entre Flamengo e Vasco, no dia 8 de julho, em São Januário.

Na ação civil pública, os promotores afirmam que o Vasco da Gama descumpre artigos do estatuto do torcedor, sobre a prevenção da violência nos esportes. Segundo o Ministério Público, a insegurança durante jogos é estimulada pela prática do clube em apoiar e incentivar a torcida organizada força jovem, atualmente punida com ordem de afastamento de qualquer arena esportiva por conta de episódios de violência.

Inconformados com a derrota, torcedores vascaínos jogaram bombas e objetos nos jogadores do flamengo e nos policiais militares, tentaram invadir o gramado. A polícia reagiu, jogando gás de pimenta, mas isso acabou afetando também os torcedores que não estavam envolvidos no tumulto, principalmente aqueles que estavam lá com filhos e mulheres.

As imagens mostram que alguns deles tiveram que escalar as cabines da imprensa para escapar da selvageria. O conflito continuou do lado de fora do estádio, e acabou em tragédia, com a morte do torcedor David Rocha Lopes, baleado no peito.

Na época, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, disse que a confusão foi provocada por grupos de oposição política à atual diretoria. O estádio de São Januário foi interditado por seis meses, mas o clube conseguiu, na Justiça, a liberação e jogou sem torcida contra o Grêmio, no último dia 9.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PED
Policiais penais frustram tentativa de fuga na Penitenciária de Dourados
CLIMA
Temperatura cai mais de 8°C em três horas em Dourados
CORUMBÁ
Faculdade deve indenizar por falta de comprovação de débitos
DOURADOS
Após erro de cálculo na hora extra, Funsaud vai descontar dinheiro pago a mais em salários
ANGÉLICA
Homem é preso ao ser flagrado mandando vídeos pornográficos a criança
PANDEMIA
Quase 30% das pessoas infectadas por coronavírus em Dourados estão recuperadas
ECONOMIA
Dólar fecha em alta com incerteza política no radar dos investidores
MATO GROSSO DO SUL
Mapa mostra que 77% dos feminicídios acontecem dentro de casa
MATO GROSSO DO SUL
Balança comercial tem superávit de US$ 4,548 bilhões em maio
PANDEMIA
Vizinho de MS, Paraguai chega próximo de confirmar mil casos de coronavírus

Mais Lidas

PANDEMIA
Estado alerta que Dourados deve ser cidade com mais casos de Covid-19 na próxima semana
POLÍCIA
Homem encontrado morto sob a ponte do Calarge tinha 38 anos
DOURADOS
HU emite nota de esclarecimento sobre atendimento de mulher que morreu com Covid-19
DOURADOS
Homem é encontrado morto embaixo de ponte no córrego Laranja Doce