Menu
Busca domingo, 29 de novembro de 2020
(67) 99659-5905
DISPUTA

De olho nas Paralimpíadas, judoca de MS inicia ano em competição no Canadá

07 janeiro 2020 - 12h50Por Da Redação

Luan Simões Pimentel está concentrado com a seleção brasileira de judô paralímpico no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo-SP. Na capital paulista, o sul-mato-grossense participa, junto a outros 12 judocas, dos últimos preparativos da delegação verde e amarela, convocada pela Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais (CBDV), para a disputa da IBSA Judo American Championship. A competição, correspondente ao Parapan-Americano da modalidade, ocorrerá em Montreal, no Canadá, de 10 a 15 de janeiro.

O evento no país da América do Norte é o primeiro do ano valendo pontos para o ranking mundial, que definirá os participantes do Brasil nos Jogos Paralímpicos de Verão 2020, em Tóquio, no Japão. O torneio internacional multiesportivo mais esperado pelos atletas acontecerá de 25 de agosto a 6 de setembro. 

Atual campeão brasileiro e parapan-americano (em Lima, no Peru, de 23 de agosto a 1º de setembro de 2019) na categoria até 73 quilogramas, o judoca, natural de Camapuã, a cerca de 140 quilômetros de Campo Grande, é uma das apostas de medalha do Brasil em competições internacionais. Em Montreal, o objetivo é largar bem na temporada. 

“A IBSA Judo American Championship é uma competição muito importante para todos nas Américas, pois é a última no continente e vale pontos preciosos para o ranking paralímpico nesta reta final de classificação às Paralimpíadas”, destaca o camapuanense de 22 anos, um dos favoritos a integrar a seleção tupiniquim em Tóquio daqui a sete meses.

Para o atleta do Instituto Sul-Mato-Grossense para Cegos “Florivaldo Vargas” (Ismac), de Campo Grande, o torneio canadense logo no início do ano é benéfico para todos os judocas. “Nossos clubes ainda estão de férias e não estão tendo treinos. Então, isso será muito importante para chegarmos bem preparados e com ritmo para o Pan [IBSA Judo American Championship] e para as outras competições ao longo deste ano”.

“Espero lutar bem, venho de boas atuações e pretendo me manter com a mente limpa para competir e conseguir expressar a evolução que está sendo buscada nos treinos”, completa o judoca, que tem baixa visão (classe B3) por conta do albinismo. Além da parada no Canadá, as etapas da Inglaterra (em abril) e Azerbaijão (em maio) do Grand Prix, da Federação Internacional dos Desportos para Cegos (IBSA), contarão pontos na disputa pelas vagas paralímpicas no judô. 

O camapuanense é um dos contemplados pelo programa Bolsa-Atleta, na categoria pódio complementar, criado e oferecido pelo Governo do Estado, por intermédio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte). No último dia 30, Pimentel também foi selecionado pelo Bolsa-Atleta federal, na categoria internacional, da Secretaria Especial do Esporte e é um dos 93 sul-mato-grossenses beneficiados. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Muita luz para a cidade de Dourados, a luz que vem de Jesus, mensagem da Escola Adventista
TV DOURADOS NEWS
Muita luz para a cidade de Dourados, a luz que vem de Jesus, mensagem da Escola Adventista
GRANDE DOURADOS
Carreta da Justiça atenderá Jateí na segunda-feira
TRF3
Advogado está isento de anuidade da OAB a partir dos 70 anos de idade e 30 de contribuição
BRASIL
Anvisa recebe pedido para análise da vacina da Janssen-Cilag
PANDEMIA
Fachin solicita informações sobre cumprimento de liminar que restringiu operações policiais no RJ
MS
Dezembro terá três leilões com mais de 700 motocicletas pelo Detran
ELEIÇÕES 2020
Para justificar ausência no domingo, eleitor deve baixar e-Título hoje
STF
Ministro intima PGR para que se manifeste sobre desistência de Bolsonaro de prestar depoimento
ESTADO
Agepen institui comissão para regulamentar critérios na seleção de reeducandos para o trabalho
STJ
Joesley Batista terá de pagar R$ 300 mil a Michel Temer por danos morais

Mais Lidas

DOURADOS
Com leitos de UTI's lotados, prefeitura aumenta toque de recolher e manda fechar clubes
DOURADOS
Primeira noite com novo toque de recolher tem flagrante de festa com 119 adolescentes
DOURADOS
Decreto é republicado por incorreção, agora com brechas para esporte coletivo e boliche
DOURADOS
Homem é preso com arma após ex-namorada correr até viatura da PM e denunciar ameaça