Menu
Busca sábado, 19 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
FUTEBOL

Ceará derrota Bahia e conquista o bicampeonato da Copa do Nordeste

05 agosto 2020 - 07h42Por Agência Brasil

O Ceará fez valer a vantagem que alcançou no primeiro jogo da final da Copa do Nordeste e, nesta terça, dia 04 de agosto, garantiu o bicampeonato da competição ao derrotar o Bahia por 1 a 0 em partida realizada no estádio do Pituaçu, em Salvador.

Após vencer a partida de ida por 3 a 1, o Vozão chegou com muita tranquilidade ao segundo jogo da decisão. Esta tranquilidade ficou evidente desde os primeiros minutos de bola rolando. O Bahia, que precisava de gols para conseguir continuar sonhando com o título, começou a partida forçando jogadas de ataque. Porém, fazia isto de forma muito desorganizada.

Já o Ceará não se arriscava muito na frente, valorizava a posse de bola e atacava apenas em contra-ataques.

Com isso, o Tricolor baiano tinha muitas dificuldades de entrar na área adversária, o que fez com que as melhores oportunidades surgissem em chutes de longa distância, como o que o atacante Fernandão acertou aos 7 minutos de partida, obrigando o experiente goleiro Fernando Prass a fazer defesa em dois tempos.

Aos 22 minutos da etapa inicial os jogadores do Bahia pediram a marcação de um pênalti, pois afirmaram que Fabinho tocou a bola com a mão dentro da área de sua equipe. Mas, após consulta ao VAR (árbitro de vídeo), o juiz afirmou que não houve irregularidade.

Fora isso, o Ceará foi muito eficiente na defesa e segurou a igualdade até o intervalo.

Percebendo que sua equipe tinha muitas dificuldades no ataque, sendo que tinha a obrigação de marcar gols, o técnico Roger Machado lançou seu time para a frente no intervalo. Para isto ele trocou um zagueiro (Lucas Fonseca) por um atacante (Clayson), e colocou um ala (Nino Paraíba) no lugar de um lateral mais defensivo (João Pedro).

No entanto, a mudança acabou favorecendo o Vozão, que passou a encontrar mais espaços para contra-atacar. E, em um desses contra-ataques, o Ceará conseguiu marcar o gol da vitória. Aos 15 minutos o atacante Leandro Carvalho parte em velocidade, toca para o lateral Bruno Pacheco, que cruza, na medida, para o atacante Cléber escorar e vencer o goleiro Anderson.

Com a vantagem no marcador, o time cearense administrou a vantagem para garantir o bicampeonato da competição (que conquistou em 2015). Título este que teve um sabor especial, pois veio sem derrota alguma.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Modelo é estuprada sob ameaça e usa rede social para falar do crime
POLÍTICA
Maia diz que visita de secretário de Trump afronta autonomia do Brasil
CRIME AMBIENTAL
Paulista é autuado em R$ 22 mil por desmatamento ilegal de vegetação nativa
FUTEBOL
Prefeitura do Rio autoriza volta do público aos jogos no Maracanã
CAPITAL
Um dia após pedir medida protetiva, mulher tem pertences incendiados
RECURSOS NATURAIS
Egressa da UEMS desenvolve cosméticos artesanais veganos
SÃO GABRIEL
Censurado, outdoor anti-bolsonarista amanhece com Artigo da Constituição
UFGD
Inscrições ao Vestibular de Licenciatura em Letras-Libras começam 2ª-feira
BRASILÂNDIA
Após ganhar liberdade, mulher que matou homem volta para prisão
RECURSOS
União deposita R$ 20 milhões da Lei Aldir Blanc para Mato Grosso do Sul

Mais Lidas

PERIGO POTENCIAL
Vendaval pode atingir Dourados e outras 35 cidades de MS, segundo alerta do Inmet
DOURADOS
Mulher estaciona em vaga preferencial e é xingada por médico
ELEIÇÕES 2020
Convenções chegam ao fim e sete nomes são lançados à prefeitura de Dourados
FRONTEIRA
Estudante morre após procedimento estético em clínica clandestina