Menu
Busca quarta, 05 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Esporte: Governo despreza elite e quer investir na base

09 setembro 2004 - 22h12

O presidente, Luiz Ignácio Lula da Silva, anunciou nesta quinta-feira investimentos anuais de R$ 200 milhões para o desenvolvimento dos esportes de base e criticou as empresas que preferem esportes de elite e atletas de ponta. Com isso, o governo federal decidiu forçar os investimentos na formação de atletas de base e deixou de lado possíveis benefícios que ajudariam apenas esportes de elite.Lula recebe atletas com promessa de duplicar orçamento dos Esportes "Esporte não é só medalha. Porém, as empresas privadas só querem patrocinar atletas prontos, aqueles que trazem medalhas. Então nos perguntamos qual o papel do Estado? Qual o papel das empresas estatais? O Estado precisa assumir essa responsabilidade", disparou Lula. O anúncio dos investimentos foi feito durante a recepção feita no Palácio do Planalto a atletas olímpicos. O ministro dos Esportes, Agnelo Queiroz, disse que a lei de incentivo à formação esportiva veio para substituir a Lei de Incentivo Fiscal. "Com essa iniciativa, o governo quer atender atletas que têm menos visibilidade, sem intermediários. Com a Lei de Incentivo Fiscal, é natural que as empresas façam a opção de patrocinar apenas as modalidades que têm maior projeção", explicou. No entanto, Queiroz reiterou que o governo vai continuar fazendo uma grande campanha para que a iniciativa privada continue financiando o esporte. O projeto será encaminhado pelo governo ao Congresso para aprovar a complementação orçamentária. O montante, se aprovado, vai engrossar os cofres do Ministério dos Esportes, que em 2005 deve receber R$ 186 milhões. O dinheiro da lei de incentivo à formação ultrapassa ainda os investimentos arrecadados com a Lei Piva -criada em 2002 sobre a arrecadação das loterias-, que até as Olimpíadas de Atenas somaram cerca de R$ 100 milhões. Entre os atletas presentes na cerimônia estava os medalhistas Flávio Canto e Leandro Guilheiro, do judô, Marcelo Ferreira, Torben Grael e Robert Scheidt, da vela, Shelda, Adriana Behar, Ricardo e Emanuel, do vôlei de praia, Aline Pelegrino, Andréia dos Santos, Cristiane Silva, Daniela Lima, Juliana Cabral e Marlisa Whalbrink, do futebol.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dupla é presa arremessando vodca, uísque e carne para dentro de presídio
Trabalhadores da educação, transporte e limpeza com 55 anos já podem se vacinar
IMUNIZAÇÃO
Trabalhadores da educação, transporte e limpeza com 55 anos já podem se vacinar
CAPITAL
Técnica em enfermagem denuncia colega por falsificar declaração de vacina
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra mais 2.791 mortes por Covid; média móvel aponta estabilidade
PMR recupera caminhonete roubada e apreende arma de fogo
PONTA PORÃ
PMR recupera caminhonete roubada e apreende arma de fogo
SENADO
CPI da Covid convoca Ernesto Araújo, Wajngarten e representantes de vacinas
CAPITAL
Professor é preso acusado de estuprar cinco alunas em lar beneficente
REGIÃO
Abertas inscrições para seleção de estagiários de Direito em Bela Vista
FRONTEIRA
Casal suspeito de roubo de carros é cercado e homem queimado vivo
SELIC
Copom eleva taxa básica de juros de 2,75% para 3,5% ao ano

Mais Lidas

INVESTIGAÇÃO
Homem é preso suspeito de estuprar quatro sobrinhas em Dourados
DOURADOS
Fumaça em estrada causa colisão entre caminhões e leva transtorno a moradores; vídeo
PANDEMIA
Decreto reduz toque de recolher em Dourados na semana do Dia das Mães
REGIÃO
Mãe e filha são executadas em locais diferentes na fronteira