Menu
Busca sexta, 14 de maio de 2021
(67) 99257-3397

Encontro lança ponte que vai ligar o Acre a Bolívia

19 agosto 2004 - 14h26

O governador do Acre, Jorge Viana, classifica o encontro que ocorreu na semana passada entre os presidentes do Brasil, da Bolívia e do Peru como "histórico". “Há cem anos, o Brasil vivia um conflito com a Bolívia e com o Peru para definir onde seria a fronteira. Cem anos depois, a gente sela a paz, tem a união dos nossos povos." Os presidentes dos 3 países participaram no último dia 11 da inauguração da ponte “Wilson Pinheiro”, que liga o município de Brasiléia, no Acre, à cidade de Cobija, na Bolívia. Em entrevista ao programa “Revista Brasil”, da Rádio Nacional, o governador afirmou que a inauguração da ponte "materializa o desejo de integração". "Seja para comprar, vender produtos ou para buscarmos uma vida melhor para os nossos povos, temos que estar juntos nisso”, defendeu o governador. Segundo Jorge Viana, uma outra ponte ligando o Brasil ao Peru está sendo construída e deve ficar pronta em um ano. Os países também têm tomado medidas para diminuir a burocracia e facilitar o tráfego entre os países. “O presidente Lula, o presidente da Bolívia e o presidente do Peru assinaram os tratados que liberam o uso de passaporte e de visto para sair do Brasil, entrar no Peru ou na Bolívia. Isso agora depende de uma tramitação dentro do Congresso desses países e até o final do ano ficam certas. Não será mais necessário usar passaporte”. Proteção ambiental O governador disse ainda que a expansão econômica da região deve levar em conta a preservação do meio ambiente. "Significa dizer que nós não podemos permitir que a estrada seja um problema, que venha destruir o meio ambiente, desmatar. Estrada na Amazônia, se não for feita com responsabilidade, pode trazer problemas e muitas destruições”. Segundo Viana, as estradas devem integrar a população de áreas isoladas. “Tem que ter um plano de incorporação das famílias que vivem nas áreas isoladas, um plano de proteção ao meio ambiente, porque senão vem a especulação junto com a estrada, vem a grilagem de terras e vem também a violência, o conflito social. Isto nós não queremos”, declarou o governador.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Audiência sobre piso salarial da enfermagem tem grande repercussão
DOURADOS
Audiência sobre piso salarial da enfermagem tem grande repercussão
AJUDA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar o auxílio emergencial
Cantora "gospel" Gisele Silva, lança seu CD hoje, com transmissão ao vivo pelo Dourados News
TV DOURADOS NEWS
Cantora "gospel" Gisele Silva, lança seu CD hoje, com transmissão ao vivo pelo Dourados News
Estágio supervisionado de nutrição realiza doação de cestas básicas
UNIGRAN
Estágio supervisionado de nutrição realiza doação de cestas básicas
Queda de avião em plantação de milho matou produtor rural gaúcho
SÃO GABRIEL
Queda de avião em plantação de milho matou produtor rural gaúcho
PESQUISA
Datafolha: 51% reprovam Bolsonaro na pandemia; 21% aprovam
CORUMBÁ
Torneio de pesca esportivo vai distribuir R$ 100 mil em prêmios
TACURU
Motorista é preso com 45 mil pacotes de cigarros contrabandeados
TEMPO
Sexta-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
CASSILÂNDIA
Funcionário de fazenda morre após bater em árvore e ser atropelado por trator

Mais Lidas

DOURADOS
Descontrolado, pastor xinga policiais por ser orientado a diminuir som de igreja
PESQUISA
Estudo confirma presença de dinossauros em Mato Grosso do Sul
ARTISTA
Desenhista de MS "consagrado" por Silvio Santos terá novo encontro com apresentador
CORONAVÍRUS
Murilo Zauith passa por reabilitação e segue internado em SP