Menu
Busca sábado, 06 de março de 2021
(67) 99257-3397

Em curso do MST crianças e guerrilheiros ficam juntos

08 setembro 2003 - 08h34

A estrutura do Movimento dos Sem-Terra Como parte do treinamento os integrantes passam a conhecer exatamente como funciona o movimento e tem acesso a diversas informações que servirão para formar sua própria consciência. Em uma das aulas o garoto anotou no caderno que na região Centro-Oeste existiriam 61 milhões de hectares de terras improdutivas e que o Movimento dos Sem-Terra apoio de 86% da população. A direção do MST, segundo suas anotações é composta por 21 membros, mas revela que nem todos são projetados por questão de segurança “porque é frequente a ameaça de morte”. O menor ressalta ainda que o segredo do movimento não está nos líderes, mas sim na massa e formação das lideranças. Ele destaca também os recursos do MST e onde parte deles é aplicada. Segundo anotações do garoto, o movimento recebe US$ 500 mil para projetos científicos. Além disso é citado nas anotações que “ o MST recebe um subsídio que dentro de 8 anos soma 100 milhões”(não cita se em dólar ou em real). Dos recursos, que o MST dispõe US$ 120 mil seriam destinados a três advogados de nível nacional do MST. No caderno é revelado também que as famílias assentadas fazem doações ao movimento, que variam de 2% a 4% de sua conquista ou seja, de sua produção. “A organização vive das contribuições. Os laticínios que o movimento tem é para ter lucro e ajudar a melhorar a vida das pessoas. Temos alguns assentamentos que compram automóveis para o movimento”. É destacado ainda nas anotações que a comissão nacional do MST, que cuida da parte financeira deu nota zero para o Incra em relação as desapropriações. E, revela o “ato de ocupação é uma forma de fazer pressão ao Governo” e para chamar a atenção da mída. “A nossa maior missão dentro do MST é acabar com os latifúndios acima de mil hectares improdutivas.” O menor conta também que “nós utilizamos os conhecimentos de Marx(Karl Marx) para melhorar a crise econômica que vivemos”. Em relação a apoios é citado que no início o MST sofria muita influência da Igreja Católica e de outras organizações, tanto que o primeiro símbolo do movimento foi uma cruz. Hoje essa influência já não seria tão grande mas“ a Igreja Católica ainda ajuda muito os acampamentos”. Frente de Massa na busca de lideranças Arquivo Chácara dos padres palotinos, em Glória de Dourados, em 2002, reuniu lideranças do MST do Chile, Argentina, Paraguai e Brasil Dentro do MST, um dos setores mais importantes, conforme é revelado no curso, é a Frente de Massa(FM). No início ela era liderada pelas igrejas, sindicatos e outras entidades. Como havia participação de pessoas da igreja que juntavam o povo, “era mais fácil, pois não precisava de propostas convincentes”. No entanto as organizações eram limitadas e surgiu a necessidade de ampliar essa frente com discursos mais concretos e religiosos. A FM tem o papel de organizar, agitar e mobilizar, portanto “para fazer parte é preciso ter um grande espírito de sacrifício” e, como é citado no caderno, um dos princípios é ser inimigo dos que eles consideram “burgueses”, que seriam os latifundiários ou os ricos. Um dos ensinamentos repassados aos militantes sobre a burguesia é de que ela tira três coisas: “tira nosso sonho, tira nossa economia e se não conseguir isso, tira a nossa vida física”. Um membro da FM, conforme relata o menor, tem de estar infiltrado ou seja, mais perto do povo. “A FM tem que entender sobre o corpo do MST....é preciso ser um organizador popular....tem que ser um agitador permanente...o palco da nossa luta é campo mas a vitória se dará na cidade”. A intenção dessa frente também é descobrir as pessoas que querem terra mas não querem invasão e é daí que se formam os acampamentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DAC vence o Novo por 3X0, em Campo Grande
DOURADOS
DAC vence o Novo por 3X0, em Campo Grande
Fazendeiro é autuado por exploração ilegal de madeira
AQUIDAUANA
Fazendeiro é autuado por exploração ilegal de madeira
Prorrogada situação de calamidade pública em dois municípios
PANDEMIA
Prorrogada situação de calamidade pública em dois municípios
Djokovic confirma retorno ao circuito no Aberto de Miami
ABERTO DE TÊNIS
Djokovic confirma retorno ao circuito no Aberto de Miami
Executivo envia projeto para criar fundação de apoio à pesquisa e à Educação
MATO GROSSO DO SUL
Executivo envia projeto para criar fundação de apoio à pesquisa e à Educação
VÔLEI
CBV divulga calendário das quartas de final da Superliga Feminina
POLÍCIA
Caminhão com pneus do Paraguai foi apreendido pelo DOF durante a Operação Hórus
JUDÔ
Judô brasileiro bate outra vez na trave no Grand Slam de Tashkent
COVID-19
Pela segunda vez na semana, Dourados atinge 100% da ocupação de leitos de UTI
DOURADOS
Casa é furtada no Jardim Água Boa e filhote de cachorro é levado com pertences

Mais Lidas

PONTA PORÃ
Casal é assassinado na fronteira e corpos são deixados um ao lado do outro
EXECUÇÃO
Executado na fronteira era publicitário e morador em Dourados
DIÁRIO OFICIAL
Guarda municipal de Dourados condenado por tráfico em SP é demitido
MATO GROSSO DO SUL
Ministro da Justiça lamenta morte de coronel Adib e posta foto antiga do GOF