Menu
Busca sábado, 18 de setembro de 2021
(67) 99257-3397
RURAL

Vazio Sanitário diminui registros de ferrugem asiática em 95%

05 agosto 2014 - 17h15

Em oito anos as ocorrências de ferrugem asiática em Mato Grosso do Sul diminuíram de 613 para 31, queda de 95%. De acordo com o chefe da Embrapa Agropecuária Oeste, Guilherme Asmus, o declínio das ocorrências se deve ao Vazio Sanitário, período de 15 de junho a 15 de setembro, quando fica proibido o cultivo de soja no Estado. Esta e outras questões de fitossanidade serão debatidas durante o 14º Encontro Nacional de Plantio Direto na Palha, que acontecerá entre 12 e 14 de agosto em Bonito.

Em 2006, quando implantado o Vazio Sanitário no Estado, apenas a Embrapa diagnosticava a ferrugem asiática. Naquele ano foram 190 casos de ferrugem só em Dourados e 34 em Maracaju, por exemplo. Já na safra 2013/14, com apoio da Fundação MS e Fundação Chapadão para os registros, Dourados e Maracaju tiveram apenas um foco cada.

Segundo Asmus o plantio da soja safrinha em Mato Grosso do Sul pode ser um risco para a manutenção das estatísticas da ferrugem asiática. “O produtor rural é livre para plantar em janeiro ou fevereiro, mas deve estar atento ao risco fitossanitário que pode causar”, alerta o chefe da Embrapa, referindo-se à possível resistência das pragas e doenças quanto aos defensivos agrícolas.

Para o coordenador técnico da Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul, Lucas Galvan, os avanços fitossanitários também se devem à dedicação dos produtores e entidades ligadas ao meio rural. “O Estado é beneficiado por unir entidades como a Embrapa, duas Fundações de pesquisa, a Aprosoja/MS, Senar e os Sindicatos Rurais, que prestam serviço de orientação e qualificação, contamos ainda com produtores rurais empreendedores que fazem a diferença no andamento de cada safra”, destaca Galvan.

Plantio na Palha

O 14° Encontro Nacional de Plantio Direto na Palha, que ocorrerá entre 12 e 14 de agosto, em Bonito, terá como tema o “Sistema Plantio Direto, produzindo água e alimentando o mundo”. O Encontro Nacional de Plantio Direto na Palha acontece bianualmente e a escolha do local da realização do evento, segundo os organizadores, é resultado da conservação da água em Bonito, cidade mundialmente conhecida por suas belezas naturais, especialmente em relação a seus recursos hídricos.


O evento, realizado pela Federação Brasileira de Plantio Direto na Palha e Irrigação, com o apoio de instituições como a Embrapa Agropecuária Oeste, Fundação MS e Sistema Famasul, irá debater temas como o consórcio milho com capins, o controle racional de plantas daninhas, o potencial ainda inexplorado de áreas não tradicionais e a irrigação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Jovem de 19 anos morre em acidente com motocicleta
CAPITAL
Jovem de 19 anos morre em acidente com motocicleta
TELEFONIA
Governo edita decretos para tentar destravar licitação do 5G
Casal é preso por golpe ao vender carro alugado e alegar "furto"
Fundação de Cultura seleciona artesãos para participar de duas Feiras
OPORTUNIDADE
Fundação de Cultura seleciona artesãos para participar de duas Feiras
Grávida, Geisa Oliveira, ex seleção de basquete, morre aos 42 anos
CAMPINAS
Grávida, Geisa Oliveira, ex seleção de basquete, morre aos 42 anos
DOURADOS
Faculdade Intercultural Indígena publica moção contra o marco temporal
FOGO AMIGO
Militar baleado ao defender mulher na rua recebe alta de hospital
ESPORTE
Dourados enfrenta Miranda na semifinal da Copa Morena neste sábado
PARAGUAI
Com mandado de prisão em abertos, brasileiro é expulso do Paraguai
EDUCAÇÃO
UEMS regulamenta retomada gradual das atividades presenciais

Mais Lidas

DOURADOS
Após denúncias, casal é preso por tráfico no Jardim Guaicurus
24 HORAS DE VACINA
Dourados terá 'viradão' da vacina para aplicar doses em cinco grupos
DOURADOS
'Trevo do DOF' terá viaduto de 40m e ficará pronto em oito meses
DOURADOS
Homem morre no hospital depois de ser atropelado na área central