domingo, 05 de dezembro de 2021
Dourados
36°max
23°min
Campo Grande
33°max
23°min
Três Lagoas
38°max
23°min
Acompanhe-nos
(67) 99257-3397
AGRONEGÓCIO

Plantio da soja já beira 1 milhão de hectares em Mato Grosso do Sul

20 outubro 2021 - 11h34Por André Bento

O plantio da safra de soja 2021/2022 tem avançado com rapidez em território sul-mato-grossense, favorecido pelo volume de chuva acumulado. Até sexta-feira (15), o Siga-MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio) apurou aproximadamente 947.776,00 hectares semeados. 

Isso corresponde a 25,1% da área estimada para cultivo da oleaginosa neste ciclo produtivo, de 3,776 milhões de hectares. As projeções iniciais apontam para produtividade média de 56,38 sacas por hectare e produção total de de 12,773 milhões de toneladas.

Todos esses dados constam no mais recente boletim Casa Rural elaborado pelo Siga-MS, divulgado na terça-feira (19) por Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) e Aprosoja-MS (Associação dos Produtores de Soja).

Conforme a publicação, o clima na segunda semana de outubro foi marcado por chuva em todos os municípios do Estado, com precipitação pluviométrica média acumulada de 64 milímetros a 180 milímetros em algumas localidades. 

Com o clima favorável, o plantio da soja avançou 15,6% em apenas 7 dias e a porcentagem de área semeada na safra 2021/2022 encontra-se superior em aproximadamente 21,0% em relação ao ciclo anterior, para a data de 15 de outubro. Além disso, os trabalhos estão em um ritmo mais antecipado do que nas duas safras recentes. 

O Siga-MS estima que o plantio encerre até o próximo dia 26 de novembro, se as condições permanecerem favoráveis para a semeadura. “O período chuvoso retornou ao estado, apontando melhores potenciais para a safra, mas ainda a expectativa é que a produção da safra seja dentro da média dos últimos 5 anos, devido a cultura ainda não estar em pleno desenvolvimento fenológico”, informa.

No boletim Casa Rural, também é mencionado levantamento da Granos Corretora, segundo o qual até 18 de outubro o agronegócio sul-mato-grossense já havia comercializado 31,38% da safra 2021/22 de soja, 20% a menos no comparativo com igual período do ciclo anterior. 

Com valorização de 1% entre 13 e 18 de outubro, o preço médio da saca de 60 quilos de soja ficou em R$ 157,50. “Na segunda quinzena de outubro a relativa estabilidade nos preços da saca de soja resultou em valorização de 0,08% no mês. O dólar valorizado garante sustentação para os preços mesmo diante de queda na bolsa de Chicago/EUA”, detalha. Em outubro de 2020, o preço médio da saca era de R$ 160,81.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEPUTADOS

Audiência na Câmara discutirá implementação da Política Nacional de Defesa

DEZEMBRO VERMELHO

Após 40 anos do primeiro caso, epidemia de HIV/aids ainda mata brasileiros

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil
SAÚDE PÚBLICA

Ministério oferece mais de 21,5 mil vagas para Médicos pelo Brasil

Polícia prende homem por descumprimento de medida protetiva em Ponta Porã
REGIÃO

Polícia prende homem por descumprimento de medida protetiva em Ponta Porã

Congresso chama atenção para violência contra mulheres com deficiência
ILUMINAÇÃO ROXA

Congresso chama atenção para violência contra mulheres com deficiência

INTERNACIONAL

Especialista diz que infecções são leves em crianças sul-africanas

TRÊS LAGOAS

Acusado de tentativa de furto cai de telhado de 4 metros ao tentar fuga

TRAGÉDIA

Homem morre afogado em córrego em área rural de Campo Grande

INTERNACIONAL

Manifestantes marcham contra restrições da covid no noroeste da Europa

SEM DOCUMENTAÇÃO LEGAL

Cigarros eletrônicos avaliados em R$ 4 mil são apreendidos em Ponta Porã

Mais Lidas

DOURADOS

Vídeo mostra jovem deitando em rua antes de acidente

DOURADOS

Homem morre atropelado no Jardim Piratininga e motorista foge do local

DOURADOS

Jovem estava deitado na rua e motorista de caminhão disse que não percebeu atropelamento

TRAGÉDIA

Trabalhador morre após queda de laje em Dourados